42 paratletas irão representar Criciúma no Parajasc

Competição inicia nesta quarta-feira, 08, com provas em Itajaí, Indaial e Blumenau

Foto: Divulgação/Decom

- PUBLICIDADE -

Criciúma inicia sua participação nos Jogos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) nesta quarta-feira, 08, sendo representada por 42 paratletas da Fundação Municipal de Esportes (FME). A cidade estará disputando medalhas nas modalidades de natação, bocha paralímpica, bocha andante e cadeirante, atletismo e tênis de mesa. As provas que o município está participando serão realizadas em Itajaí, Indaial e Blumenau e seguem até domingo, 12.

> Clique aqui e receba as principais notícias do sul catarinense no WhatsApp

- PUBLICIDADE -

Cada modalidade será representada por paratletas com deficiências. Na natação, em Indaial, serão deficientes visuais e físicos, enquanto no atletismo, além de físicos e visuais, estarão auditivos e intelectuais. Já em Itajaí, no tênis de mesa, paratletas criciumenses disputam nas categorias deficientes físicos e intelectuais. Na bocha andante e cadeirante, as provas serão disputadas por deficientes físicos.  Em Blumenau, na bocha paralímpica, Criciúma estará com crianças com paralisia cerebral.

Conforme a coordenadora do Paradesporto da FME Criciúma, Solange Lima, a expectativa é de que Criciúma mais uma vez figure entre os primeiros colocados das modalidades. “Nós sempre nos destacamos nas competições que participamos. Estamos treinando desde março para o Parajasc e estamos confiantes de fazer uma boa competição”, frisou.

“Nossos paratletas estão focados nas modalidades, treinando e dedicados em realizar uma boa participação no Parajasc. Estaremos dando todo suporte e na torcida para que eles coloquem o nome de Criciúma em destaque”, ressaltou o presidente da FME Criciúma, Neto Uggioni.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.