Criciúma: alunos cantam o Hino Nacional com a banda do 28º GAC

Hinos serão executados toda segunda-feira em uma das 65 escolas municipais

Foto: Divulgação/ Ana De Mattia
- PUBLICIDADE -

O Hino Nacional Brasileiro é um dos símbolos oficinais do país e representa o orgulho e o amor à nação. Como uma medida de conscientizar os alunos das 65 escolas municipais sobre isso, os estudantes estão cantando o Hino Nacional e o Hino de Criciúma nas unidades de ensino. A iniciativa é em parceria com a banda do 28º Grupo de Artilheira e Campanha (GAC). Na manhã desta segunda-feira (21), a Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) José Contim Potella, do bairro São Sebastião, foi a primeira unidade a executar o hino junto com a entidade.

Além da execução do Hino Nacional e de Criciúma, a professora aposentada, Magali Mattiola, cantou o hino da unidade escolar. “Foi uma alegria ter acompanhado a execução do Hino Nacional, do Hino de Criciúma e do hino da escola. Fiquei feliz e emocionado sabendo que as escolas têm o seu próprio hino. De tudo que os alunos vão levar para o futuro, o hino nacional sendo executado por eles será a melhor e mais valiosa de todas as lembranças, pois temos uma única bandeira: o verde, amarelo, azul e branco”, ressaltou o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

- PUBLICIDADE -

Os hinos serão executados todas as segundas-feiras, em uma das 65 escolas municipais. “O hino nacional tem 190 anos, foi criado em 13 de abril 1831. Assim, todas as instituições do exército brasileiro e civis têm essa rotina de hastear a bandeira nacional e cantar o hino. É uma honra para nós ter essa parceria com a Secretaria Municipal de Educação”, frisou o comandante do 28º GAC, coronel José Evânio Cavalcante de Brito Júnior.

“Importante celebrar e acompanhar a execução do Hino Nacional e do Criciúma. Me fez relembrar do meu tempo na época de escola. Essa iniciativa é para celebrar o hino e mostrar aos nossos alunos o respeito e o amor à pátria”, completou o secretário municipal de Educação, Miri Dagostim.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.