Feira da Agricultura Familiar segue no sistema delivery momentaneamente

A feira iria acontecer de maneira presencial na última semana, em frente ao Paço Municipal, mas foi adiada por causa da previsão de mau tempo

Foto: Arquivo
- PUBLICIDADE -

Devido à previsão de chuva, a volta da Feira Agricultura Familiar, que estava prevista para a última quinta-feira (10), teve que ser adiada. Agora, a Gerência de Agricultura e Agronegócio irá avaliar a próxima data com os feirantes para a volta do evento que já não ocorre presencialmente há um ano. A feira em sistema delivery continua.

“Nós vamos conversar com os feirantes para ver em que data a feira volta presencialmente”, afirma o gerente de Agricultura e Agronegócio do município, Vanderlei Zilli. “O Governo Municipal entra com a disponibilização do espaço e o apoio à feira, e o retorno fica a cargo dos feirantes”. De acordo com a feirante Ana Meri, é importante a volta, pois os produtos ficam visíveis. “Ter o contato presencial com o consumidor é bem importante”, diz a feirante, que produz frutas e legumes.

- PUBLICIDADE -

Sistema Delivery

Mesmo sem a volta presencial da feira, é possível adquirir os produtos dos agricultores da região através do link: https://agriculturafamiliarcriciuma.kyte.site, onde é possível ver o menu de alimentos disponíveis.

  • Também é possível fazer as encomendas pelo número (48) 9 9161-7416, ou pelo instagram oficial da feira: @agricultura.familiar.criciuma.
  • O valor mínimo para os pedidos é de R$30, com uma taxa de entrega de R$7
  • Compras acima de R$50 estão isentas de taxa de entrega
  • As encomendas podem ser feitas de segunda a quinta-feira, até às 21h.
  • Já as entregas são feitas nas sextas das 16h às 20h, e nos sábados, das 8h ao meio dia.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.