Morro da Fumaça: Investimentos de R$ 3,4 milhões com recursos próprios

Aplicação dos valores é em diversas áreas e na realização de várias ações

Morro da Fumaça tem recebido série de investimentos em todas as áreas
- PUBLICIDADE -

A boa gestão dos recursos públicos permite que eles voltem em melhorias à população. Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), isso é percebido em Morro da Fumaça.

Depois de uma primeira administração em que os investimentos com recursos próprios bateram recordes na cidade: foram mais de R$ 13 milhões e o mesmo se repete agora. Somente para 2021, a previsão do prefeito Noi Coral é que a aplicação chegue a R$ 3,4 milhões, nas mais diversas áreas e ações. “Sempre prezamos por bem gerir os recursos públicos, e isso não mudará agora. Possuímos uma equipe técnica, preocupada com os investimentos em Morro da Fumaça. Eu sempre falei que a nossa equipe não mudaria, e não mudou, pois eles contribuem com este novo momento que Morro da Fumaça vive. Um momento em que a cidade passou a apontar para o futuro e a crescer a cada dia mais”, enfatiza o prefeito.

- PUBLICIDADE -

Exemplos destes investimentos não faltam e eles vão desde pavimentações, passando por reformas de unidades de saúde, de creches, chegando à iluminação da Praça de Esportes Demício Joaquim Mendes. O valor investido no local é de R$ 244 mil e contempla a iluminação do campo de futebol, pista de caminhada, além de outros espaços de lazer do local.

A transparência é outra palavra que está sempre presente. “Hoje, o fumacense sabe que os valores pagos em impostos retornam em benfeitorias, isso não mudará. Damos toda a transparência e gerimos bem os recursos públicos para que as obras e outras iniciativas sigam acontecendo em nossa cidade”, fala o vice-prefeito, Eduardo Sartor Guollo.

Universalização do abastecimento de água e saneamento básico

Samae já lançou edital para a primeira etapa da rede de esgoto sanitário de Morro da Fumaça

O abastecimento de água de Morro da Fumaça foi municipalizado em abril de 2018, e desde então as melhorias são vistas a cada dia. Agora, mais um passo será dado pelo Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae): o esgotamento sanitário. Para isso, o órgão já lançou o edital para a primeira parte do projeto. “É um trabalho que iniciaremos agora com recursos próprios, pois sabemos o quão importante é termos o saneamento básico. Isso é qualidade de vida e saúde da população”, diz o prefeito.

Ainda no ano passado, o Samae revisou o Plano Municipal de Saneamento Básico, que está disponível no seu site. “Em 2021 também iremos ampliar as duas Estações de Tratamento de Água (ETA’s) e universalizar o abastecimento, ou seja todas as casas do município poderão pedir a ligação que teremos redes para atender”, revela o diretor do Samae, Rogério Sorato, acrescentando que serão mais de 16 quilômetros de redes, incluindo a interligação dos sistemas do centro e do distrito de Estação Cocal.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.