Governo de Criciúma lança programa Educação Empreendedora nas escolas

Projeto foi apresentado nesta quarta-feira no Teatro Elias Angeloni

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Os estudantes das escolas municipais de Criciúma terão acesso a oficinas, cursos e jogos digitais sobre empreendedorismo. A ideia é criar um ambiente de estímulo a essa prática, à inovação e à criatividade dentro salas de aula, com o apoio do programa Educação Empreendedora, do Sebrae.

O projeto foi lançado oficialmente nesta quarta-feira (23), no Teatro Elias Angeloni. A solenidade contou com a participação de autoridades do poder público municipal, dos diretores e equipe pedagógica das 65 escolas do município e do colaborador do Banco Central e consultor da empresa E2E, Heinz Kirchhof, que palestrou sobre a Sensibilização da Educação Empreendedora na oportunidade.

- PUBLICIDADE -

“Nós estamos passando por muitas transformações. A educação empreendedora vai ajudar a desenvolver habilidades, ensinar quais são os comportamentos necessários e, assim, preparar as nossas crianças e jovens para essa nova realidade”, declarou Kirchhof.

O encontrou também contou com a presença do vice-prefeito Ricardo Fabris, que representou o prefeito Clésio Salvaro na solenidade. “Temos que preparar as nossas crianças para o futuro, que ainda é muito incerto, mas sabemos que será bem diferente. E o projeto faz justamente isso: garante com que elas acompanhem todas essas mudanças e se destaquem”, comentou.

Educação Empreendedora

Esse é mais um dos projetos implementados pela Secretaria Municipal de Educação este ano. “Nossa educação é referência. Oferecemos aulas de robótica, de inglês, matemática na tafona e agora empreendedorismo. Estamos investindo pesado em tecnologia, inovação e infraestrutura nas escolas. Queremos proporcionar um ótimo ambiente para o estudo e ter as crianças dentro da sala de aula, porque o lugar delas é na escola”, afirmou o secretário Miri Dagostim.

“O Governo de Criciúma tem pensado muito na educação. Me enche de orgulho ver mais de 20 mil alunos tendo acesso a tudo isso”, complementou o diretor de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação, Aldinei Potelecki.

O projeto Educação Empreendedora será aplicado pela Secretaria Municipal de Educação, em parceria com o Sebrae, que vai disponibilizar consultores para auxiliar professores e equipe pedagógica no programa. “É uma iniciativa fantástica e que vai ajudar no desenvolvimento das crianças até em disciplinas correlatas, como matemática, história, entre outras”, disse o gerente regional sul do Sebrae, Murilo Gelosa.

Ponto de partida

“O prefeito faz uma declaração que eu gosto e se encaixa perfeitamente nesse projeto. Quando colocamos uma camiseta e pulamos um botão, lá no final não vamos conseguir fechá-la. Por isso, precisamos começar bem na largada. E o projeto Educação Empreendedora faz exatamente isso. Atrai os estudantes pelo gosto de empreender e aprender”, contou o secretário da Fazenda de Criciúma, Celito Cardoso.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.