Santa Catarina tem a melhor gestão pública do Brasil, dispara Moisés

Governador voltou a afirmar que acredita no arquivamento do processo de impeachment por parte da Justiça

Foto: Valter Campanato/ABR
- PUBLICIDADE -

O governador Carlos Moisés, junto com a vice Daniela Reinehr, terá o seu afastamento votado pelo Tribunal Especial de Julgamento nesta sexta-feira, 23. Entretanto, horas antes da votação, o chefe do executivo estadual divulgou um pronunciamento onde diz acreditar no arquivamento do processo de impeachment. Na visão do governador, o Estado ostenta a melhor gestão pública do Brasil.

“Acreditamos que a Justiça será feita e que não há justa causa para retirarmos um governador e uma vice-governadora por uma razão em que de fato nenhum dos dois têm participação efetiva. Temos certeza de que estamos entregando para os catarinenses o melhor”, frisa Moisés.

- PUBLICIDADE -

Ele apontou que o que está por trás do processo de impeachment não é o número do aumento de procuradores, mas a forma em que ele governa Santa Catarina, enxugando a máquina pública para poder destinar mais verbas ao benefício da população.

“Nós temos um governo íntegro, tem sido considerado hoje a melhor gestão pública do Brasil por organismos independentes. É também a que mais entrega serviços digitais aos catarinenses. Conseguimos entrar na pandemia zerando um déficit público de mais de R$ 1,2 bilhão, saímos de uma dívida pública na saúde de R$ 750 milhões e estamos trabalhando firmes com investimentos próprios de contratos que revisamos”, afirma.

Na sua interpretação, ele está sendo perseguido pelos outros políticos por sua forma de governar. “Por isso essa insatisfação, pois cortamos muitas regalias e contratos que não eram interessantes ao serviço público e colocamos esse dinheiro aonde deve estar, em prol do cidadão. Reformando escolas, fazendo estradas e ampliando o serviço público para o bem da comunidade”, destaca.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.