“O cooperado tem que ter alguma coisa a mais”

Empresário Odo D’altoé lidera a chapa alternativa para o Conselho de Administração da Coopera. Votação será no sábado

- PUBLICIDADE -

Forquilhinha

Neste fim de semana, os mais de 22 mil associados da Cooperativa Pioneira de Eletrificação (Coopera) poderão decidir os rumos da corporação. No sábado, será realizada a eleição dos membros dos conselhos de Administração e Fiscal. E neste ano, haverá uma disputa pela diretoria.

- PUBLICIDADE -

Conselheiro da cooperativa, o empresário Odo D’altoé lidera a chapa alternativa, e destaca, como principal bandeira, a valorização do cooperado. “Tem que trazer o nosso cooperado de volta para a cooperativa. Ele só é lembrado uma vez por ano. Nas assembleias, ele é chamado para tomar as decisões, aprovar ou não as contas. E durante todo o ano, ele não é chamado para nada. E o que a gente quer fazer? Queremos trazer ele mais próximo a cooperativa, para tomar as decisões junto com o conselho. E isso nós vamos fazer. Trazer as instituições já formadas, associações de moradores. Vamos trabalhar em conjunto”, afirma o candidato.

Para D’altoé, não basta que o associado receba apenas energia. “O cooperado tem que ter alguma coisa a mais. Tem que ter algum benefício. Pretendo fazer um cartão-benefício, que não é nenhuma novidade. Nas cooperativas da região já existe isso. Um cartão para mercado, farmácia, médico, exame. Já tem esse tipo de cartão nas outras cooperativas. E a nossa há 30 anos está ali, sem novidades”, destaca.

Já na área da geração de energia, o candidato da chapa alternativa busca trabalhar com fontes renováveis. “Eu pretendo fazer um projeto piloto na essência da cooperativa, que é geração de energia. Um projeto piloto de energia limpa, renovável. Energia fotovoltaica, eólica e hídrica. Contratar bons técnicos, que vão dar um norte para nós. Apontar na nossa região, qual projeto tem mais viabilidade, e em cima disso, fazer um projeto de geração de energia”, adianta.

Leia a matéria completa no Tribuna de Notícias desta quinta-feira

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.