Nacional: Projeto torna inafiançável crime relacionado a pedofilia

Os crimes de violência humana, especialmente os que envolvam crianças, são revoltantes e estarrecedores. A avaliação é do senador Dário Berger (MDB/SC), autor do projeto de lei (PL 4406/2020), que pretende alterar o Código Penal e tornar inafiançáveis os crimes relacionados à pedofilia.


- PUBLICIDADE -

Os crimes de violência humana, especialmente os que envolvam crianças, são revoltantes e estarrecedores. A avaliação é do senador Dário Berger (MDB/SC), autor do projeto de lei (PL 4406/2020), que pretende alterar o Código Penal e tornar inafiançáveis os crimes relacionados à pedofilia.

Para o senador, é preciso tornar a legislação brasileira mais rígida e punir exemplarmente os autores destes crimes.

- PUBLICIDADE -

“A impunidade, sem dúvida, é um dos fatores para que eles continuem ocorrendo. Temos que lutar para diminuir esta triste e alarmante realidade”, ressalta Berger.

O senador lembra que, em 2019, foram mais de 17 mil denúncias de violência sexual contra menores de idade pelo Disque 100. Nos primeiros meses deste ano, o Governo Federal registrou quase cinco mil novas denúncias.

De acordo com a legislação atual, apenas os crimes de estupro são considerados inafiançáveis. Nos demais, o infrator se livra da cadeia após o pagamento de fiança. É fundamental ampliar este leque, diz o senador.

“O projeto vai corrigir essa distorção e proteger as crianças brasileiras destes crimes que deixam sequelas irreversíveis em suas vidas”, concluiu.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.