ND investe na implantação da NDTV Criciúma com foco na programação local

Estreia será nesta terça-feira, dia 8, no canal 25.1 do sinal digital aberto

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Criciúma

O Grupo ND está em contagem regressiva para a estreia de seu mais novo centro de distribuição de conteúdo: a NDTV Criciúma. A exemplo do que já ocorre em outras praças onde o Grupo está presente, o foco será a comunicação regional. Por isso, serão mais de duas horas diárias de informações voltadas para a cidade e o Sul catarinense, além da programação estadual e nacional – essa em rede com a Record TV.

- PUBLICIDADE -

O público de mais de 25 cidades da região poderá assistir a NDTV Criciúma a partir desta terça-feira, dia 8, por sinal digital aberto no canal 25.1. O primeiro programa local será o telejornal Balanço Geral, com apresentação do comunicador João Paulo Messer, às 11h50. Na sequência, às 13h20, será a vez da jornalista Giselle Tiscoski comandar o programa de variedades Ver Mais. Ambos serão transmitidos de segunda a sexta-feira.

“O perfil da NDTV Criciúma será voltado para a comunicação 100% regional, o mesmo de outras emissoras do Grupo ND que já são líderes de audiência em suas cidades. O jornalismo regional faz com que a cidade veja e seja vista, então será um canal de Criciúma, que vai falar sobre Criciúma e região, para Criciúma e região”, afirma o gerente de produção do Grupo ND, Marcelo Campanholo.

A partir do sinal gerado pela emissora de Xanxerê, o Sul do estado terá um centro de distribuição de conteúdo com qualidade em alta definição e recursos gráficos de última geração. Além disso, o ambiente digital e tecnológico proporciona uma integração on-line com os demais veículos do Grupo, como explica o diretor de engenharia e tecnologia, Rafael Mafra.

“É tudo muito atual. A parte de produção é em alta definição, os transmissores de Criciúma e de toda a região de cobertura são os mais modernos do mercado, assim como os equipamentos para entradas ao vivo. Foi feita uma estrutura altamente moderna para receber esse centro de produção”, ressalta Mafra.

Trabalho intenso nos últimos dois meses

Entre tirar o projeto do papel e estrear a programação amanhã, foram em torno de dois meses de muito trabalho para os cerca de 30 profissionais que estão envolvidos neste processo inicial de operações na cidade.

Localizada no bairro Próspera, próximo ao Parque das Nações, a NDTV Criciúma conta com diversos ambientes, como um estúdio com dois cenários, três ilhas de edição, camarins, sala de operações de áudio e vídeo, além do padrão da redação integrada já adotada na Capital, com visual colorido e alegre.

O diretor regional da NDTV em Criciúma, Gabriel Habeyche, destaca que o investimento é de R$ 2,8 milhões, o que inclui a montagem da estrutura, contratação da equipe, aquisição de câmeras, transmissores e outros equipamentos – tudo novo e de última geração. Ele pontua que a aplicação de recursos do Grupo ND na cidade, mesmo em meio a uma pandemia, mostra que o Grupo tem muita força e que acredita no potencial de Criciúma.

“É uma terra muito rica, isso em vários aspectos, não apenas em relação às empresas. Agora, Criciúma e os municípios próximos têm muito a ganhar com a operação da NDTV. Toda a região passa a ter mais visibilidade, tanto de forma interna, como para o estado, o Brasil e o mundo, com a Record TV e a Record Internacional”, finaliza Habeyche.

Sobre o Grupo ND

Com mais de 32 anos de atuação, o Grupo ND é o maior produtor de conteúdo regional de Santa Catarina e um dos mais importantes conglomerados de comunicação do Brasil. São duas redes de televisão, sete emissoras, revistas, jornal impresso e portal de notícias: NDTV | Record TV, Record News SC, jornal ND, portal nd+, revista its, revistas É e revista Show Me.

No DNA do Grupo está a comunicação regional e os veículos somam mais de 470 funcionários em Florianópolis, Joinville, Blumenau, Itajaí, na região Oeste e em Criciúma. Já no Paraná, está presente como Grupo RIC e atua com três emissoras de rádio, quatro de TV, revista e portal.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.