Internacional: Trump diz que deixará hospital nesta segunda-feira

"Não tenham medo da covid", afirmou no Twitter

Foto: Reuters
- PUBLICIDADE -

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que se sente “muito bem” e que deixará o hospital militar onde está sendo tratado de Covid-19 ainda nesta segunda-feira, apesar de uma onda de infecções que atingiu a Casa Branca quatro semanas antes da eleição norte-americana.

Trump, que na sexta-feira anunciou ter sido diagnosticado com coronavírus e foi internado no Centro Médico Militar Walter Reed, nos arredores de Washington, no mesmo dia,  disse que deixará as instalações às 18h30 (19h30, pelo horário de Brasília).

- PUBLICIDADE -

“Sairei do grande Centro Médico Walter Reed às 18h30. Estou me sentindo muito bem! Não tenham medo da Covid. Não a deixem dominar sua vida. Desenvolvemos, sob o governo Trump, alguns medicamentos e conhecimento realmente fantásticos. Me sinto melhor do que há 20 anos”, disse ele no Twitter.

Trump, de 74 anos, teve febre alta e recebeu oxigênio suplementar depois que o nível de oxigênio em seu sangue diminuiu na sexta-feira, de acordo com Sean P. Conley, o médico oficial da Casa Branca. Médicos o estão tratando com dexametasona, um esteroide que normalmente é usado nos casos mais graves.

Trump relutou em ir ao hospital na semana passada e está ansioso para sair, disse uma fonte a par da situação à Reuters mais cedo nesta segunda-feira.

Com informações da Agência Brasil

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.