Estadual: Governo de SC prorroga suspensão de diversas atividades

O retorno de diversos setores foi dividido em duas datas: 30 de abril e 31 de maio

Foto: Reprodução

- PUBLICIDADE -

Florianópolis

Além do retorno do comércio de rua, hotéis e pousadas na próxima segunda-feira, dia 13, o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva (PSL), anunciou durante entrevista coletiva, a prorrogação da quarentena. Além disso, dividiu o retorno de diversos setores em duas datas: 30 de abril e 31 de maio.

- PUBLICIDADE -

Até o dia 30 de abril estão suspensas as atividades do transporte coletivo municipal, interestadual e internacional, a abertura de shoppings centers, centro comerciais e a permanência de pessoas em bares e restaurantes.

Já até 31 de maio, estão suspensas as aulas das redes pública, municipal e privada. Eventos das esferas pública e privada, aglomeração de pessoas em locais públicos (praças, parques e praias), atividades em academias, cinemas, teatros, shows e eventos esportivos.

“Nosso Estado tem mantido medidas restritivas, muitas delas, mais rigorosas do que os demais Estados da Federação. Nós entendemos que reuniões de público, como missas e cultos, e transporte público, são locais de transmissão e contágio alto. Essas medidas de restrição serão mantidas”, ressalta o governador.

Ainda conforme Carlos Moisés, as atividades que foram liberadas seguirão critérios altamente rigorosos e passarão por monitoramento e, na medida que houver necessidade, serão novamente suspensas.

Liberações temporárias a partir de segunda-feira, dia 13:

  • Hotéis;
  • Comércio de rua;
  • Restaurantes/cafés para drive thru.

Atividades suspensas até 30 de abril:

  • Transporte coletivo;
  • Shoppings;
  • Bares, cafés, restaurante. (Sem a permanência de pessoas)

Atividades suspensas até 31 de maio:

  • Eventos, excursões, missas;
  • Aulas (público e privadas);
  • Aglomerações em locais públicos;
  • Academias;
  • Cinemas;
  • Teatros;
  • Shows;
  • Eventos esportivos.

 

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.