Estadual: Governador lança edital para completar a obra da SC-442

Obra vai ser importante para escoamento da produção industrial e para mobilidade urbana

Foto: Divulgação/ Assessoria
- PUBLICIDADE -

O Governador do Estado, Carlos Moisés, esteve nesta sexta-feira (02/10) pela manhã na sede da empresa Eliane, em Cocal do Sul, para a assinatura do lançamento do edital de licitação das obras completará a SC-442, que ligará os municípios de Cocal do Sul ao distrito de Estação Cocal, em Morro da Fumaça. São cerca de 800 metros em Cocal, próximo a Eliane e mais 3,2 quilômetros no contorno do distrito de Estação Cocal, em Morro da Fumaça. A previsão é que a obra seja inaugurada em um ano, e a contratação da empresa ocorrerá por meio de um Regime Diferenciado de Contratação Integrada (RDCI).

O prefeito de Cocal do Sul e presidente da AMREC, Ademir Magagnin, disse que a obra será importante obra para desenvolvimento do município, que hoje têm 55% das receitas oriundo do setor industrial. “A obra beneficia o escoamento da produção, já que será um importante corredor até a BR-101, não só aos caminhões que carregam os produtos e insumos para Empresa Eliane, mas também para as empresas que estão localizadas nas áreas industriais do município”, ressaltou o prefeito, pontuando que a obra colabora com a Mobilidade Urbana. “Vocês não imaginam o quando ela vai representar para economia do município”, disse em discurso aos presentes.

- PUBLICIDADE -

O presidente do diretor presidente do Grupo Eliane, Edson Gaidzinski Jr, lembrou que a obra iniciou em 2014, e que espera a três anos pela conclusão das duas cabeceiras. Edson ainda pontuou que hoje são 65 mil caminhões por ano, que passam pela Eliane, transportando a produção e insumos. “Nós precisamos de infraestrutura. Seja na questão de treinamento de mão de obra, na questão de gás e na questão de logística”, disse, lembrando que 20% da produção é exportada para Europa e EUA.

Antes de lançar o edital, o governador fez uma vistoria em um dos trechos a ser asfaltado. Ele ressaltou que a obra não foi concluída nas gestões anteriores e agora será retomada, trazendo mais segurança viária e qualidade de vida para os motoristas da região. “Estamos dando continuidade a obras que estavam abandonadas, pela falta de compromisso com a infraestrutura de Santa Catarina daqueles que nos antecederam. Essa é uma rodovia que tem um tráfego muito pesado, então esse investimento é necessário, pois vai trazer desenvolvimento e renda para os dois municípios. Nós escolhemos as intervenções sempre olhando para as regiões e seu impacto”, destaca o governador.

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, destacou que as obras foram paralisadas em 2017, sem terem sido finalizadas. Segundo ele, a SC-442 representa um pouco de como a atual gestão recebeu o Estado.

“Estava tudo pela metade. Agora, vamos fazer essa ligação entre a SC-108 e a BR-101, passando por Morro da Fumaça, para destravar esse nó logístico. Não dá para transitar em uma rodovia estadual nessas condições. Esse é um compromisso do governador Moisés: investir em infraestrutura, trazendo segurança e desenvolvimento para todas as regiões”, opina Vieira.

O ato de lançamento do edital ainda contou com a presença de empresários da região, do deputado estadual José Milton Scheffer, do presidente da ACIC, Moacir Dagostin e da presidente da Associação Empresarial de Cocal do Sul (ACICS), Bruna Bianchini Quarezemin.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.