Definida nova data para abertura do edital de licitação do Sarasul

O serviço terá contrato de 12 meses, onde a empresa fornecerá o pessoal e os materiais médicos e medicamentos

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Dia 20 de novembro. Esta é a nova data estabelecida para abertura de licitação para contratação da empresa da que vai administrar o Serviço Aeromédico (Sarasul). O aviso de pregão vai ser publicado na segunda-feira (09/11) no Diário Oficial do Municípios (DOM), e o edital completo estará disponível no site da prefeitura de Criciúma.

Todo o processo está sendo feito via Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da AMREC (CIM-AMREC). Hoje à tarde o secretário executivo da AMREC, Giovanni Dagostin Marchi, recebeu o coordenador do Saer, o delegado Alan Amorim e o operador tático do aeromédico, Daniel Hexsel, repassando a informação do processo e tratando dos últimos ajustes.

- PUBLICIDADE -

A abertura do edital aconteceria no dia 30 de outubro, mas devido a uma impugnação, o pregão foi suspenso, estabelecendo a nova data, dia 20 de novembro. “O Consórcio entendeu que deveria ser feito algumas adequações no edital, por isso o edital precisou ser alterado”, explica o Secretário Executivo da AMREC, Giovanni Marchi.

O serviço terá contrato de 12 meses, onde a empresa fornecerá o pessoal e os materiais médicos e medicamentos. Estão previstos na operação um médico e um enfermeiro que ficarão de plantão por 12 horas na base do SAER, sete dias por semana. O contrato ainda prevê um farmacêutico disponível por 20 horas semanais. O Sarasul vai atender toda Mesorregião Sul Catarinense (AMREC, AMESC e AMUREL, assegurando serviços de urgência e emergência gratuita exclusiva aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

A exceptiva da AMREC é que o serviço entre em operação ainda 2020. “Se nenhuma intercorrência acontecer, a previsão é que o serviço entre em funcionamento na segunda quinzena de dezembro, ou seja, antes do início da temporada de verão”, afirma Giovanni.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.