Criciúma: Diversão para os amantes de carros

Terceira edição do Auto Show Juan Garcia acontece no Nações Shopping e apresenta carros super esportivos, além de modelos antigos e raros

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Os apaixonados por carros já tem compromisso marcado. Abriu nesta quinta-feira, dia 19, e segue até o dia 29, no Nações Shopping, a terceira edição do Auto Show Juan Garcia. Cerca de 30 carros estão expostos, no estacionamento e no “mall” do empreendimento. A expectativa da organização é que a exposição seja um grande sucesso. “Fico feliz em poder reunir carros superesportivos de toda região proporcionando mais uma atração para toda a família”, comenta o colunista do Tribuna de Notícias e um dos organizadores do evento, Juan Garcia. A recepção aos convidados, na abertura, aconteceu no Astori Wine Bar.

Modelos de Ferrari, Maseratti, Lamborghini, Porsche, Audi R8 e Mustang estão sendo exibidos para encher os olhos dos amantes por carros. “Neste ano, fizemos uma mescla de carros nobres e os super esportivos. Fizemos um mix. Teremos Corvette em modelo atual e também antigo, por exemplo”, explica Garcia, que ressalta o “aquecimento” do mercado de carros super esportivos. A exposição é gratuita e aberta ao público.

A maior novidade é uma Lotus que pertenceu à família Senna. “É um carro bem raro e chama bastante atenção. A Lamborghini também é um dos carros mais modernos que estão na exposição e que as pessoas mais querem ver”, detalha o organizador. Todos os carros têm identificação para que os visitantes saibam as especificações dos modelos.

A presença de um Teimoso na exposição

Entre os carros antigos, uma das grandes atrações é o Renault Teimoso. Espécie de bisavô dos “carros populares” que surgiram no Brasil em 1990, o sedan, lançado em 1964 pela Willys Overland, era uma versão “pelada” dos Renault Gordini e Dauphine. “O Teimoso, eu nem sabia que existia. Fiquei sabendo em 2018 ou 19. Os mais populares foram o Gordini e o Dauphine”, explica o também organizador da exposição, Edy Wilson Biava Teixeira, que auxilia o proprietário dos veículos a encontrar os modelos.

O Teimoso é um carro extremamente simples e raro. “Ele era o ‘pé de boi’, o mais simples que existia. O banco só tem uma esteirinha em cima dos ferros, não tem nenhum tipo de revestimento no teto. É muito simples mesmo, sem sinalização e luz de freios. Nada disso. Uma pequena luz acende atrás quando ligam os faróis. Nada mais”, comenta Edy.

Outro exemplar muito simples da época era o Fusca Pé de Boi. “Pouca gente conhece também e era financiado pela Caixa Econômica. Um carro bem simples e popular para a época e tinha financiamento bancário”, reforça Edy. Um Fusca Sedan, com quatro portas, verde, também está exposto no shopping. “Esse é o famoso ‘Zé do Caixão’ – como ele ficou popularmente conhecido”, enfatiza Edy.

Diversos modelos atrativos ao público

Ainda entre os carros antigos, destaca-se, na exposição, o Ford A – 1931 – “Um carro ainda da época do Henry Ford com 30 cavalos de potência”, destaca Teixeira. Outras atrações são o Mustang Conversível, de 1967, Maverick, com quatro cilindros, de 1979, e dois modelos exclusivos no Brasil. “Um Dodge Dart Conversível GT, amarelo, que é único no Brasil, e o Rolls Royce Corniche – o carro da rainha da Inglaterra – que eu acredito que é o único no país também. Sei de um outro, mas conversível apenas”, detalha Edy.

Encontro aberto acontece no sábado

No sábado, dia 21, a partir das 10 horas, dentro da programação do Auto Show Juan Garcia, acontece o Encontro de Super Esportivos no estacionamento externo do Nações Shopping. “É um encontro aberto. Todos que tiverem carros esportivos, rebaixados ou que são fãs de carros estão convidados a comparecer”, explica Juan Garcia.

Haverá um espaço para os super esportivos, antigos e hot – que são os rebaixados. “É um encontro automotivo aberto para todos da região. Não tem custo: é só chegar”, reforça o organizador do evento.

O momento delicado de pandemia do novo coronavírus também é levado em consideração com os cuidados impostos pela Vigilância Epidemiológica. “Todos estão convidados a participar, mas seguindo as normas de segurança e os protocolos da Vigilância Sanitária. Teremos mesas para o pessoal não se aglomerar”, ressalta Garcia.

A realização do evento também serve para animar as pessoas, neste momento delicado de infecção por Covid-19. “Estávamos na dúvida se faríamos ou não o evento, mas resolvemos fazer para levar alto astral às pessoas e deixar esse momento tão complicado que a gente vive, mais leve”, finaliza Juan Garcia.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.