Municípios de Santa Catarina decretam toque de recolher das 0h às 5h

Decisão foi tomada em reunião entre prefeitos das vinte maiores cidades do Estado

Foto: Guilherme Cordeiro/ TN
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Em reunião virtual na tarde desta quarta-feira, dia 2, prefeitos das vinte maiores cidades de Santa Catarina, Secretários de Estado da Saúde e Gerências Regionais de Saúde, ficou definido que será decretado no Estado de Santa Catarina o Toque de Recolher. O funcionamento de estabelecimentos será permitido até às 23h, com a permanência do público até meia-noite. Da 0h até 5h da manhã não poderão funcionar.

- PUBLICIDADE -

Por sugestão do Prefeito Clésio Salvaro, de Criciúma, ficou a cargo de entidades que regem diferentes segmentos como: comércio, supermercados e outros serviços essenciais, a opção de ampliar o horário de atendimento ao público, como forma de minimizar aglomerações em horários de pico.

Os ônibus continuam a circular normalmente, e, com apoio da gestão via FECAM (Federação Catarinense de Municípios), a lotação máxima será de até 70%, com possibilidade de mais veículos disponíveis para população. Também foi sugerido para o Governo do Estado a remoção do ICMS sobre os combustíveis das empresas de ônibus.

O Governo do Estado de Santa Catarina também deverá promover uma campanha de conscientização sobre os cuidados diante da pandemia do novo coronavírus. O decreto será publicado nesta quinta-feira, dia 03.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.