Aprovado projeto de nova ponte do Rio Araranguá

Segundo secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade Urbana o projeto está aprovado e aguardando a liberação do orçamento pela Secretaria de Estado da Fazenda

Foto: Lucas Colombo

- PUBLICIDADE -

O prefeito de Araranguá, Mariano Mazzuco Neto, está com expectativa positiva para o início das obras da ponte que liga o Balneário de Morro dos Conventos ao Distrito de Hercílio Luz e demais localidades que ficam do outro lado do Rio Araranguá. A ligação vai substituir a antiga balsa que faz a travessia.

O chefe do Executivo Municipal espera que pelo menos 25% do valor do convênio, que equivale há R$ 15,8 milhões, seja liberado ainda neste ano de 2020. Segundo Mazzuco, o projeto está finalizado e já foi entregue para a secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade Urbana. “Desde que o governador Carlos Moisés anunciou o recurso, nós nos debruçamos no projeto e o encaminhamos e recebemos o parecer favorável dos setores técnicos e jurídico da secretaria e estamos confiantes”, relata.

- PUBLICIDADE -

Com o aval dos setores que dão viabilidade para a execução de uma obra, Mazzuco aguarda os trâmites seguintes. “Com tudo aprovado é mais fácil de o valor ser liberado e estamos aguardando uma posição do governo de Santa Catarina. Essa é uma obra importante para a cidade de Araranguá, é um sonho antigo”, afirma.

Inclusive, o chefe do poder público, destaca que o Estado tem interesse em receber uma comitiva araranguaense para acelerar o processo. “Temos uma ponte junto do Executivo Estadual que é o deputado José Milton e estamos programando uma ida até Florianópolis, mas devido à pandemia isso não aconteceu ainda, porém em contato eu soube que a secretaria de estado nos aguarda para efetivar essa importante obra”, assegurou.

Um pedido antigo

O Distrito de Hercílio Luz aglutina diversas localidades como, Ilhas, Canjica, Pontão, Campo Mãe Luzia, entre elas está também à comunidade de Morro Agudo. A presidente da Associação de Moradores, Rosilei Goulart Reis, diz que o pedido é antigo. “Desde antes do governo de Paulo Afonso, que foi entre 1995 e 1999 aguardamos essa obra. Todos os gestores sabem dessa necessidade, porém, neste momento compreendemos que o foco tem que estar na saúde, mas passando essa fase, iremos cobrar a ponte”, falou.

Nos dias em que a balsa para manutenção, os moradores do Distrito precisam enfrentar um longo percurso quando precisam chegar a Araranguá. “Quando a maré está alta ou que acontece qualquer problema, ficamos em casa ou temos que atravessar Maracajá, pegar a BR-101 e ir até Araranguá”, disse.

Aguardando liberação do convênio

Procurada a Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade afirmou por meio de nota enviada pela assessoria de comunicação que “A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) finalizou o processo de análise de celebração do convênio no dia 17 de abril de 2020. O processo está aguardando a liberação do orçamento pela Secretaria de Estado da Fazenda. Após a liberação será finalizada a celebração do convênio”.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Eduardo Souza
Em: Araranguá

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.