Após perder tudo em incêndio, criciumense precisa de ajuda

Chamas tomaram conta da casa e tiraram a vida de um homem de 50 anos


- PUBLICIDADE -

Na última semana, um incêndio na comunidade de Vila Manaus, em Criciúma, tirou a vida de um homem de 50 anos, portador de necessidades especiais e deixou marcas na vida de Edivânio Alves, de 46 anos, que agora precisa de ajuda para sobreviver.

Diógenes Alves era acamado, pois há seis anos foi vítima de um acidente que fez com que ele perdesse quase que todos os movimentos e, desde então o irmão mais novo cuidava dele.

- PUBLICIDADE -

O incêndio consumiu toda a residência de madeira e todos os utensílios da família. “Eu fui ao mercado comprar um biscoito porque toda noite ele comia uma papinha. Antes mesmo de chegar ao mercado, que fica perto de casa, eu fui chamado às pressas. Cheguei e minha mãe de 75 anos, que também mora comigo, tinha saído, mas, ao entrar no quarto, onde estava o meu irmão, o vi sendo consumido pelas chamas”, contou.

A causa das chamas ainda não foi confirmada, pois a perícia técnica ainda não foi concluída, porém, Edivânio e sua mãe perderam tudo. “O fogo tomou conta da casa muito rápido. Eu sinto muita dor, pois o meu irmão era um filho para mim, eu era os braços dele. Ficamos sem nada, eu perdi todos os meus documentos, roupas, móveis, celular, enfim, tudo”, relatou.

Hoje Alves mora em uma ‘varanda’, de alvenaria, que ficava atrás da casa. E o momento é de dificuldades. “Eu tinha um inquilino [na casa], já que não trabalhava para cuidar do meu irmão e isso era uma fonte de renda para arcar com todos os custos. Depois de que a casa foi consumida eu tive que vir para cá, sem móveis algum, sem nada. Apenas contando com a ajuda das pessoas”, pontuou.

Conforme o morador, toda doação é bem-vinda. “Eu perdi tudo, mas desde então o povo vem sendo solidário e ajudando. Eu preciso sim de ajuda, desde roupas até móveis e alimentos. Eu uso calça 46, camisa M e calçados 42 e mãe usa roupas tamanho M ou G e calçado número 38”, disse.

Ajude:

A casa fica localizada na Rua Um Mil e Duzentos e Vinte e Três, 40-26 – Vila Manaus, Criciúma – SC e doações podem ser feitas presencialmente ou por meio da conta de uma das vizinhas, levando em consideração a perda da documentação.

Banco: Caixa Econômica Federal

Agência: 2225

Operação: 013

Conta: 00002383-3

Nome: Roselaine de Araújo Rocha

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Eduardo Souza
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.