- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Itajaí

- PUBLICIDADE -

Fotos: Celso da Luz/CEC

O Tigre está entre os quatro melhores times de Santa Catarina. Na tarde desta quinta-feira, o time treinado por Roberto Cavalo foi até Itajaí e fez 1 a 0 no Marcílio Dias. Jean Dias marcou o gol da partida aos 43 minutos do primeiro tempo. Na segunda etapa, Hélio Paraíba chegou a perder um pênalti para o Marcílio Dias. Agora, o Criciúma espera por Avaí ou Chapecoense, que jogam a partir das 20 horas, na Ressacada, para conhecer o adversário da semifinal. O primeiro jogo já será disputado neste domingo.

O Marcílio Dias começou tomando a iniciativa da partida e apertando a marcação na linha de defesa do Criciúma, que conseguia se desvencilhar e sair rápido ao ataque. Aos três minutos, Thiago Henrique recebeu na entrada da área e finalizou, mas Belliato pegou bem. A resposta veio com Anderson Ligeiro, que tentou finalizar na entrada da área, mas a bola pegou em Vitão e espirrou. Aos sete minutos, Leo Santos cruzou da direita, a bola encobriu Agenor e Vitão salvou em cima da linha, impedindo o gol do Marinheiro. Aos 10 minutos, Carlos Cesar cobrou falta da esquerda, a zaga afastou parcialmente e Foguinho pegou o rebote, mas finalizou por cima da trave. Os minutos seguintes foram de baixa qualidade, com os times dando muitos balões e sem jogadas efetivas.

O Tigre avançou a marcação e começou a dificultar as situações para o time da casa. Aos 19 minutos, Victor Guilherme e Jean Dias fizeram boa jogada pela direita e a bola sobrou para Carlos Cesar, na entrada da área, mas ele foi travado pela defesa, na hora da finalização. Aos 24 minutos, Nathan Ferreira tentou encobrir Agenor, mas o goleiro do Tigre pegou fácil. Aos 27 minutos, após um bate e rebate, Carlos Cesar finalizou e Beliatto pegou bem. O Criciúma assumiu o controle do jogo e chegava mais ao gol do Marinheiro. No minuto seguinte, Thiago Henrique cruzou da direita e Jean Dias apareceu livre, no meio da área, mas perdeu a chance de marcar.

Melhor na partida, o Tigre avançava rápido ao ataque e se fechava bem na defesa para não ser ameaçado. Aos 37 minutos, Maurício Barbosa errou a saída de bola, Leo Santos ficou com a bola pela esquerda e foi derrubado por Victor Guilherme. Falta. Paulinho cobrou e Daniel Pereira finalizou de cabeça pela linha de fundo. Aos 43 minutos, a abertura do placar: Foguinho tocou para Kaike, na esquerda. O lateral driblou a marcação e cruzou para Jean Dias que finalizou bem e abriu o placar: Criciúma 1 a 0!

O time da casa voltou com força total, no início da etapa final. No primeiro minuto, Leo Santos recebeu na área, mas finalizou mal. O Criciúma logo equilibrou a partida e buscou o ataque para tentar o segundo gol. Aos oito minutos, Leo Santos recebeu a bola na área, após cruzamento, mas cabeceou pela linha de fundo. Passou perto da trave de Agenor. Perigo para a trave do Tigre. Aos 10 minutos, Anderson Ligeiro recebeu na direita, Agenor saiu da área, deu combate e conseguiu atrapalhar o jogador do Marcílio. No contra-ataque, Thiago Henrique foi lançado na esquerda, caiu, mas o árbitro nada marcou. Jogo movimentado na etapa final. Aos 12 minutos, Carlos Cesar cobrou falta e obrigou Belliato a fazer uma grande defesa.

Aos 21 minutos, Leo Santos cruzou da direita, a bola bate no braço de Eduardo e o árbitro marca pênalti. Os jogadores do Tigre reclamaram muito. Na cobrança, Hélio Paraíba bateu para fora. Brilhou a estrela do goleiro Agenor.

Nos últimos 10 minutos de partida, o Criciúma administrou bem a vantagem e pouco foi ameaçado pelo time da casa. Inclusive, durante todo o jogo, Agenor pouco foi ameaçado e o Tigre teve o maior domínio da partida. O Marcílio Dias não teve força para conseguir a igualdade, mas ameaçou: aos 48 minutos, Helio Paraíba recebeu na área, mas Kaike evitou o empate. O Criciúma está classificado para as semifinais do Catarinense.

Campeonato Catarinense – Quartas de Final – Jogo de Volta

Quinta-feira (30/07) – 16 horas – estádio Dr. Hercílio Luz, em Itajaí

MARCÍLIO DIAS

Júnior Belliato; Rodrigo, Luan, Magrão e Paulinho; Daniel Pereira (Juan Palacios), Diego Fumaça (Jerffeson Recife) e Nathan Ferreira (Medina); Leo Santos, Anderson Ligeiro e Roberto Pitio (Helio Paraíba). Técnico: Moisés Egert

CRICIÚMA

Agenor; Victor Guilherme (Christofer), Maurício Barbosa, Vitão e Kaike; Eduardo, Foguinho e Carlos César; Léo Ceará (Jajá), Thiago Henrique e Jean Dias (João). Técnico: Roberto Cavalo

Arbitragem: Diego da Costa Cidral. Auxiliares: Kleber Lucio Gil e Henrique Neu Ribeiro

GOL: Jean Dias (43/1T)

Cartões Amarelos: Daniel Pereira (MD); Victor Guilherme e Carlos César (C)

Cartões Vermelhos: Não houve

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.