Tigre: Itamar Schulle fica no cargo

Diretor de Futebol, Edson Gaúcho, descarta mudanças na comissão técnica para a sequência da equipe na competição

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A diretoria do Criciúma não cogita demitir o técnico Itamar Schulle. Pelo menos, essa é a declaração do diretor de futebol, Edson Gaúcho, após a derrota para o Ituano por 2 a 0 na noite deste sábado. “De maneira nenhuma. O Itamar vai ficar até o final do campeonato e aí depende da outra direção se ele fica no ano que vem”, comenta Edson.

O diretor também não pensa em rebaixamento, avalia a partida deste sábado e reforça a permanência do treinador. “Não penso nisso (Rebaixamento). O foco é no próximo jogo. Taticamente, a nossa equipe foi horrível no primeiro tempo e melhorou na etapa final. Perdemos o pênalti também. Faz parte. Se tivéssemos feito o gol, a história seria outra. Uma coisa é certo: o Itamar fica até o final”, diz.

Edson assume parte da responsabilidade pelos resultados ruins. “O motivo é que nós não ganhamos. Simples. Eu estou no dia a dia, no CT, vejo o trabalho do Itamar, a maneira que ele fala e orienta. Ele coloca os dados, orienta o trabalho e dá condições aos atletas. Se não dá certo, é normal. Faz parte do futebol. O Itamar diz que não é culpa minha e do Jaime, mas é”, finaliza.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.