Tigre: Diretor dispara contra a arbitragem

Evandro Guimarães, mostrou todo o descontentamento com a arbitragem de Marcos Vinícius de Oliveira Matias, de Laguna

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Após o jogo, o diretor de futebol do Criciúma, Evandro Guimarães, mostrou todo o descontentamento com a arbitragem de Marcos Vinícius de Oliveira Matias, de Laguna. As decisões polêmicas nas marcações dos pênaltis e a forma como o juiz se portou em campo não agradaram ao dirigente carvoeiro. “Estou chegando agora, mas tenho relatos de que tivemos problemas com a arbitragem no ano passado. Não é porque ganhamos que vamos deixar de falar do juiz. Não quero falar se foi pênalti ou não, mas me preocupa a convicção do juiz na marcação do pênalti contra nós. Não vimos a marcação tão clara como o bandeira. Ninguém viu o pênalti. Algumas faltas foram invertidas e eu fiquei preocupado com o juiz, que estava preocupado em mostrar que tem personalidade. Tem um histórico na base de problemas dele com o Criciúma. Quero ligar o sinal e vamos prestar atenção nisso”, dispara.

O clube fará uma reclamação formal à Federação Catarinense de Futebol (FCF) para que sejam escalados árbitros mais experientes nos jogos do Criciúma. “O árbitro tem que ser neutro, independente do campo. A arbitragem não foi boa e isso tem que ser levado à Federação, sim, e ser avaliado. Futebol é algo muito sério e mexe profundamente com a cidade inteira. Tem que ter muita responsabilidade na hora de escalar um árbitro”, finaliza Evandro.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.