Campeonato Espanhol e Copa da Inglaterra retornam em junho

Na América do Sul, Paraguai retoma treinos no próximo dia 10

Foto: Albert Gea/ Reuters
- PUBLICIDADE -

O futebol já tem data marcada para voltar na Espanha e na Inglaterra após paralisação provocada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19). Nesta sexta (29) foi confirmado para o próximo mês o retorno no do Campeonato Espanhol e da Copa da Inglaterra. A La Liga, suspensa há três meses, retoma as partidas no dia 11 de junho com o confronto entre Sevilla e Bétis.

O Campeonato Espanhol está suspenso desde 12 de março e ainda precisa de 11 rodadas para chegar ao fim. O Barcelona lidera a corrida pelo título com 58 pontos, seguido de perto pelo Real Madrid, com 56. Desde o início da pandemia na Espanha, foram registrados mais de 236 mil casos de covid-19 e 27.121 mortes.

- PUBLICIDADE -

Copa da Inglaterra

Um dia após a Premier League anunciar seu reinício em 17 de junho, nesta sexta foi a vez da Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês) bater o martelo em relação ao retorno da Copa da Inglaterra: os jogos das quartas de final serão nos dias 27 e 28 de junho, com os jogos das semifinais em 18 e 19 de julho, e a grande final em 1º de agosto.

Outras ligas europeias já retornaram também, mas com portões fechados. O Campeonato Alemão voltou no último dia 16. Já o Português recomeça neste final de semana. Em junho, a partir do dia 20, também haverá jogos pelo Italiano. Já na França, o campeonato nacional foi encerrado com o PSG declarado campeão.

No Japão, a J League terá jogos a partir de 4 de julho com portões fechados, e a partir do dia 11 de julho com público presente nos estádios.

América do Sul

Na América do Sul, o Paraguai anunciou a volta dos treinos para o próximo dia 10 de junho. A previsão é de que os jogos sejam realizados a partir do dia 17. Vizinho do Brasil, o país soma 900 infectados e 11 mortes por covid-19.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.