Região paga R$ 336 milhões em impostos durante 2019

Valor é 6% superior ao de 2018, quando os municípios da Amrec e Amesc pagaram R$ 317 mi. Santa Catarina arrecadou R$ 106 bi no ano passado, o equivalente a 3,91% do total brasileiro

- PUBLICIDADE -

Suelen Bongiolo

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Trabalhar até maio apenas para pagar os impostos municipais, estaduais e federais. Se a projeção de 2019 continuar neste ano, os brasileiros precisarão obter renda em 153 dias apenas para arcar com a carga tributária do país. Somando as Associações dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) e do Extremo Sul Catarinense (Amesc), foram R$ 336 milhões em taxas pagas durante o último ano. Isso representa 6% a mais do que em 2018, conforme dados do Impostômetro.

Somente na Região Carbonífera, o montante pago em impostos pela sociedade alcançou R$ 249 milhões entre 1º de janeiro e 31 de dezembro de 2019. Esse valor representou um acréscimo de R$ 25 milhões (11%), em relação ao mesmo período do ano anterior. Proporcionalmente, os principais aumentos ocorreram em Urussanga (22%), Içara (18%) e Criciúma (16%).

Em contrapartida, outros cinco municípios da Amrec tiveram diminuição do total pago em impostos em 2019. As maiores retrações, na comparação com 2018, foram observadas em Lauro Müller (-24%), Siderópolis (-11%) e em Treviso (-7%).

Diminuição no Extremo Sul

Ao contrário da Região Carbonífera, o Extremo Sul apresentou diminuição da arrecadação tributária entre um ano e outro. Na somatória das 15 cidades, foi pago R$ 86,8 milhões em 2019, quase R$ 6 milhões a menos do que 2018. A diferença entre os períodos foi de 6%.

No ano passado, apenas Araranguá e Sombrio apresentaram alta no valor arrecadado, de 1,7% e 24%, respectivamente. Outras 12 cidades tiveram retração de impostos superior a 11%, enquanto a diminuição em Turvo ficou em 8%.

As maiores perdas em arrecadação de impostos, em 2019, foram verificadas em São João do Sul (-21%), Santa Rosa do Sul (-18%) e em Passo de Torres (-17,6%).

*A reportagem completa está no TN desta segunda-feira, dia 13.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.