Urussanga: suspeitos de envolvimento na morte do taxista são presos

Diligências aconteceram em Urussanga e Cocal do Sul

Divulgação
- PUBLICIDADE -

A Polícia Civil de Urussanga realizou diligências nesta quarta-feira, dia 22, no caso do taxista João Beluco, encontrado no último sábado, dia 18, morto em um matagal, amarrado e com o veículo incendiado. Os agentes cumpriram mandado de prisão contra dois suspeitos de envolvimento no caso. As prisões aconteceram em Urussanga e Cocal do Sul. Até o momento, as iniciais dos nomes dos suspeitos e as respectivas idades não foram reveladas.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.