Suspeito de envolvimento no homicídio do taxista de Urussanga é preso

O homem foi conduzido ao Presídio Santa Augusta

Divulgação PMSC
- PUBLICIDADE -

Érik Borges

Urussanga

- PUBLICIDADE -

O caso do taxista João Beluco (57 anos), encontrado morto em janeiro deste ano, em Urussanga, pode estar próximo do desfecho. Isso porque um suspeito (G.P.J, de 24 anos) por envolvimento no assassinato da vítima foi preso pela PM de Morro da Fumaça, ontem, no bairro Ibirapuera. O homem foi conduzido ao Presídio Santa Augusta.

De acordo com o delegado José Antônio Amabile, responsável pelas investigações da Polícia Civil no caso, afirma que os trabalhos tiveram avanço. “Estamos bem próximos da elucidação”, conta. João foi encontrado amarrado em um matagal, em Urussanga o seu veículo foi incendiado. Dois suspeitos já haviam sido presos preventivamente por 30 dias, podendo ser estendido por mais 30 dias.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.