Emoção marca a formatura dos estudantes da Escola S, em Criciúma

Em formato drive-in, pais, alunos e professores se reuniram na noite da última sexta-feira, dia 18, respeitando todos os protocolos de segurança contra o coronavírus

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Os abraços calorosos, comemorações festivas e gritos de alegria deram lugar a sons de buzinas, luzes e vibrações com os familiares de dentro dos veículos. Essa foi a noite emocionante dos pais, alunos e professores da Escola S de Criciúma, que promoveu na última sexta-feira, dia 18, a formatura dos ensinos Fundamental e Médio.

- PUBLICIDADE -

“Assim como nós nos reinventamos o ano inteiro, os professores e os alunos, decidimos também mudar a forma da formatura para ter um contato, com todos os protocolos de segurança. Os pais ficaram maravilhados, os jovens também, com a oportunidade deles verem os amigos também, ter um contato diferente. Pensamos nesse modelo drive-in , que foi muito bem aceito, desde o início e, há quem diga, que vamos continuar fazendo assim, mesmo após pandemia”, ressalta a gerente executiva do Sesi Senai Regional Sul e Litoral Sul, Graziela da Silva Branco.

As homenagens ocorreram em horários diferentes, respeitando todas as diretrizes impostas pelos órgãos competentes de saúde para evitar a propagação do coronavírus (Covid-19). “Superou as expectativas, a interação que nós tivemos nessa noite, foi emocionante. Já fizemos aulas online o ano todo e esse momento não poderia ser assim, a gente quis valorizar esse contato com as famílias”, acrescenta Graziela.

Para o aluno Gabriel Zanatta Martins, do terceiro ano do Ensino Médio, o momento de celebração foi diferente, mas mesmo assim, muito emocionante. “Eu nunca esperava isso, desde o começo, no primeiro ano, eu imaginava uma festa, que a gente pudesse dançar e festar, e acabou sendo uma comemoração, algo mais novo e foi muito legal. Até antes da formatura eu não sabia o que era drive-in, aí fui pesquisar”, comenta.

Já para a mãe, Gisele Zanatta Martins, o orgulho do filho ter chegado a esta etapa da vida, é motivo de emoção. “Eu fiz a minha colação de grau bem diferente do que a gente viu hoje, porém, não deixa de ser uma emoção, um sonho realizado. Porque hoje, formar um filho, é um sonho para os pais, nem todos têm essas condições, e graças a Deus a gente conseguiu. Agradecemos primeiramente a Deus e ao Sesi Senai por estarem proporcionando isso para o meu filho, para os nossos filhos. É a realização de um sonho, não só dele, mas nosso também. Estamos muito felizes”, comemora.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.