Criciúma: Estudantes vencem fase da Olimpíada Nacional de Ciências

Mais de dois milhões de alunos participaram das provas on-line em todo Brasil

Ao todo, 138 estudantes do Colégio Marista de Criciúma venceram a primeira fase da Olimpíada Nacional de Ciências (ONC), que aconteceu nos dias 6 e 7 de agosto. Os alunos, que estão no Ensino Fundamental Anos Finais e Ensino Médio, partem agora para disputar a segunda etapa, que ainda terá data definida. Os vencedores da olimpíada serão premiados em cerimônia realizada em Brasília.

Este ano, por conta da pandemia do novo coronavírus, a primeira fase aconteceu de forma remota, 100% on-line, por motivos de segurança e para preservar as famílias brasileiras. E apesar de todos os percalços, mais de 2 milhões de estudantes, de todos os estados do Brasil, se inscreveram para participar da competição.

- PUBLICIDADE -

Segundo a organização do evento, este ano o grande desafio foi disponibilizar infraestrutura que comportasse o grande volume de acessos. Houve picos de 30 mil alunos realizando a prova simultaneamente. “Estamos muito orgulhosos da grande adesão e do ótimo desempenho dos alunos. Mesmo em uma época tão desafiadora, eles obtiveram resultados expressivos”, disse a orientadora  do Ensino Médio do Colégio Marista de Criciúma, Karolina Cabral.

Promovida pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC), a olimpíada constitui um programa da Associação Brasileira de Química (ABQ), Departamento de História da UNICAMP, Instituto Butantã, Sociedade Astronômica Brasileira (SAB) e Sociedade Brasileira de Física (SBF).

O objetivo da competição é despertar e estimular o interesse pelo estudo das ciências naturais, aproximar as instituições de ensino superior, os institutos de pesquisa e sociedades científicas das instituições do ensino médio e do ensino fundamental e identificar estudantes talentosos, incentivando seu ingresso nas áreas científicas e tecnológicas, nas universidades ou setores produtivos.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.