Aluna da argentina se despede da Unesc após um ano e meio de intercâmbio

Camila Villasuso passou dois semestres nas aulas do curso de Design de Produto

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

A experiência de estudar no exterior brilha os olhos de qualquer estudante. No meio de 2019, a argentina Camila Villasuso, de 33 anos, aluna da Universidade Nacional de Avellaneda, em Buenos Aires, agarrou com as duas mãos a oportunidade e fez as malas para estudar na Unesc, em Criciúma. Hoje, ela se despede da instituição, dos professores e amigos que fez para voltar à cidade portenha.

A oportunidade foi dada à Camila graças à parceria entre a universidade argentina e a Universidade do Extremo Sul Catarinense para a dupla titulação entre cursos da área de Design oferecidos pelas instituições. Camila, que estuda Desenho Industrial, passou dois semestres nas aulas do curso de Design de Produto da Unesc.

- PUBLICIDADE -

Ao falar sobre a experiência, em um português quase fluente, mas com aquele sotaque castelhano, ela garante que sua vida foi transformada. “Eu sou muito grata por tudo que vivi aqui. São ensinos diferentes e pude aprender muitas coisas que não veria em minha universidade de lá. A Unesc possui um ensino incrível, com ótimos professores e infraestrutura. No Iparque, onde estudei parte das 11 disciplinas que fiz aqui, há muita tecnologia, que melhoram ainda mais a qualidade. A universidade foi durante os últimos meses minha segunda casa aqui no Brasil”, conta.

Camilla passava praticamente o dia todo na Unesc. Além de estudar no período da noite, ela estagiava na instituição junto do Setor de Arte e Cultura e do Museu da Infância. “Depois dos meus três meses de adaptação, fiz muitos amigos especiais, que levarei para a vida. Tenho certeza de que quero voltar para o Brasil e voltaria para Criciúma. Aqui há muitas oportunidades de emprego. Quem realmente quer trabalhar, consegue”, destaca Camila.

A estudante deveria ter partido da cidade ainda no meio de 2020, porém, com a situação pandêmica, precisou ficar no Brasil. A Unesc a apoiou neste momento, garantindo que ela pudesse continuar a trabalhar na universidade mesmo que o vínculo do intercâmbio já tivesse finalizado.

Dupla titulação reconhecida na OIE

A dupla titulação entre cursos da área de Design oferecidos pelas instituições foi reconhecida neste ano pela Organização dos Estados Ibero-Americanos (OIE) entre as melhores de Práticas de Qualidade na Internacionalização. A experiência ficou em primeiro lugar em uma das categorias e fará parte do Manual Ibero-Americano de Boas Práticas na Internacionalização.

Com a partida da estudante argentina, as instituições fecham o primeiro ciclo deste acordo, que iniciou com a ida do acadêmico Caio Canarin Mroninsk para Buenos Aires, em 2017.

Na época, Caio reiterou que a sua experiência também foi extremamente positiva. “Tive a oportunidade de estudar, trabalhar e conviver com pessoas não só da Argentina, mas do mundo todo, o que me amadureceu como pessoa e me desenvolveu como profissional. A cultura está muito ligada a maneira como se projeta e interage com Design, e isso também influenciou no desenvolvimento de uma nova ótica sobre a forma que se projeta produtos”, afirma

O coordenador do curso de Design de Produto da Unesc, João Rieth, avalia como positivo o primeiro ciclo, sobretudo porque ele possibilitou uma nova ótica para a avaliação do curso, analisando as semelhanças com a instituição argentina, aquilo que é possível melhorar, as práticas pedagógicas e, claro, aquilo que a Universidade tem feito de forma correta.

“Continuamos firmes com o acordo e na expectativa que já nos próximos semestres possamos abrir novas oportunidades aos alunos”, garante.

As matrículas para o primeiro semestre de 2021 estão abertas na Unesc. Para mais informações sobre o curso de Design de Produto, sobre os demais cursos e a forma de garantir uma vaga, basta acessar o site unesc.net/matriculas2021 e deixar o seu cadastro.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.