Réveillon sem fogos

Leia a coluna completa no Jornal Tribuna de Notícias

- PUBLICIDADE -

Só houve, finalmente, a decisão/manifestação das festas de Réveillon na cidade, acho que ajudei nisso em razão da cobrança salutar pois, caso contrário, iam empurrar com a barriga. Agora, todos os setores comerciais do município podem se programar/ajustar com a ausência da edição deste ano, se bem que, insisto como sempre coloquei: turista não procura, e nunca procurou Floripa em razão de festa de fogos na Beira-mar. O que turista quer é praia. Preferencialmente, com infraestrutura mínima e necessária a uma cidade que se intitula “turística”.

Junto com a divulgação de que a prefeitura não fará a queima de fogos no Réveillon na Beira- Mar Norte, veio a informação de que o dinheiro economizado com tal cancelamento será utilizado em cursos para habilitar pessoas para o setor turístico.
Existe aí um contrassenso, pois as medidas adotadas pelo prefeito dizimaram o setor turístico. Para que, então, habilitar pessoas para trabalhar nesse setor que praticamente desapareceu? Esse dinheiro assim economizado seria melhor empregado na construção e reforma de albergues noturnos, pois a rasteira que a economia tomou está trazendo um aumento no número de necessitados desses.

- PUBLICIDADE -

O conteúdo completo você acompanha na edição impressa do Jornal Tribuna de Notícias ou no TN Digital. Leia esta e muitas outras colunas, ligue para o (48) 3478-2900 e assine!

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.