Novo Iluminismo

Leia a coluna completa no Jornal Tribuna de Notícias

- PUBLICIDADE -

Num mundo povoado por “fake news” ou verdade que transformam em mentira, e por uma imprensa que optou por se ideologizar a informar, é um bálsamo – e eu recomendo – o livro “O Novo Iluminismo”, de Steven Pinker. Já na capa, uma boa referência: “Meu novo livro favorito de todos os tempos”, diz Bill Gates. Em resumo: é uma obra que rechaça manchetes alarmistas e profecias apocalípticas (qualquer coincidência com a conduta da mídia na pandemia não é mera coincidência) que vicejam nos dias atuais e influenciam negativamente nossa visão de mundo. “Basta olhar os dados”, diz Pinkler. Selecionei um deles para vocês: “O número de pessoas pobres diminuiu justo quando a população aumentou explosivamente, de 3,7 bilhões em 1970 para 7,3 bilhões em 2015. Se os meios de comunicação de fato informassem a mudança de estado no mundo, poderiam estampar a manchete ‘Número de pessoas na extrema pobreza diminuiu em 137 mil ontem’, todos os dias, nos últimos 25 anos!” Donde se conclui: o jornalismo ocidental optou por decretar o fim dos tempos. Boas notícias, fé na vida, paz, amor e harmonia, nem pensar. Isso não rende manchete, não vende jornal.

O conteúdo completo você acompanha na edição impressa do Jornal Tribuna de Notícias ou no TN Digital. Leia esta e muitas outras colunas, ligue para o (48) 3478-2900 e assine!

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.