Prefeitura foca as atenções em novo contrato com o Fonplata

Novo financiamento do município com o Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata será de 30 milhões de dólares

Crédito: Lucas Colombo
- PUBLICIDADE -

Criciúma

O processo de contratação do empréstimo junto ao Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) ainda nem foi finalizado, mas a Prefeitura de Criciúma já foca as atenções em um novo financiamento. O Fonplata 2, como está sendo chamado no Paço Municipal, deve garantir 30 milhões de dólares (R$ 123 milhões) para a realização de novas obras.

- PUBLICIDADE -

Segundo o secretário-geral da Prefeitura, Vagner Espíndola Rodrigues, os trâmites para a nova contratação já iniciaram. “Nós estamos terminando a matriz, pois para fazer a carta consulta, temos que encaminhar uma matriz com projetos básicos, valores e isso ainda estamos em fase de conclusão. Estive com a Kátia [Smielevski, secretária de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana] para decidirmos onde e quais são as áreas que nós vamos fazer o Fonplata 2”, destaca.

Os projetos básicos devem ser finalizados em até uma semana, e apesar do foco principal continuar nas pavimentações, também deve contemplar a área de inovação, na linha das cidades inteligentes.

“Teremos algo que envolva as smart cities, com semaforização inteligente. Isso estará contemplado no Fonplata 2”, conta o secretário-geral.

Leia a matéria completa no Tribuna de Notícias desta segunda-feira

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.