Quatro décadas de história marcadas com comemoração

Primeira turma dos cursos de Administração e Ciências Contábeis da Fucri, atual Unesc, realiza evento neste sábado, em Criciúma, para celebrar os 40 anos de formatura

Foto: Lucas Colombo/TN

- PUBLICIDADE -

Criciúma

O dia 4 de agosto de 1979 ficou marcado na memória dos 59 formandos da Escola Superior de Ciências Contábeis e Administrativas (ESCCA) da Fundação Educacional de Criciúma (Fucri). Eles fizeram parte da primeira turma dos cursos de Administração e Ciências Contábeis, graduações hoje mantidas pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc). A solenidade, realizada no extinto Cine Ópera, coroou o que foi considerado um marco para o ensino superior da região.

- PUBLICIDADE -

A caminhada, que culminou com a formatura, teve início ainda em 1975, com o primeiro vestibular dos cursos, bastante disputado pelos moradores da região. “A década de 70 começou a ser marcada em Criciúma com a diversificação da atividade empresarial, já que a década de 60 foi marcada pelo carvão. Então, a partir da década de 70, passa a crescer a cerâmica, o têxtil e alguns outros setores, que precisavam de mão de obra, tanto de administradores quanto contadores. Por isso, a Fucri criou os dois cursos”, narra Nilson Olivo, que esteve entre os formandos de Administração.

Mesmo com as dificuldades do início, como ter que fazer o primeiro semestre fora da estrutura da Fucri, os cursos trouxeram um diferencial para Criciúma. “Na época, era uma cidade pequena e, se não tinha condições para fazer uma faculdade fora daqui, como Florianópolis, não sobravam muitas opções. Então essas faculdades trouxeram uma mudança, porque só existiam as voltadas à Educação”, ressaltam Rose Sartor, que se graduou em Administração, e Vilson Fávaro, de Ciências Contábeis.

União desde os primeiros passos

Durante esse início de trajetória, um fator foi decisivo para começar os laços entre os futuros administradores e contadores. “Quando iniciou a faculdade, em 1975, nos quatro primeiros semestres as cadeiras eram similares. E, depois, no quinto semestre, é que mudava. Então as turmas acabaram ficando muito ligadas, porque começaram a estudar juntas. Por isso, temos essa união até hoje”, acrescenta Olivo.

Assim, até mesmo a formatura foi conjunta e com características acima dos padrões da época, já que boa parte dos acadêmicos já possuía cargo importante em empresas da região antes de iniciar a graduação. “Para se ter uma ideia, a rifa foi para sortear cinco fuscas. Sobrou tanto dinheiro que deu para fazer festa por mais três anos”, conta Olivo.

Reencontros anuais

Mesmo com cada um seguindo o próprio caminho, a turma tentou preservar os laços que a uniu desde o início. “Fizemos a formatura, que foi um mega-evento, e mais algumas festas e depois nos afastamos um pouco, porque estava naquela fase em que praticamente todos estavam constituindo família. Nos 30 anos nos reencontramos em uma grande festa. E, a partir de então, temos nos reunido anualmente”, destaca Rose.

Com a chegada da quarta década de história, eles decidiram novamente realizar um evento especial. Na noite deste sábado, eles se reunirão na Churrascaria Apollo, em Criciúma, para celebrar os 40 anos de graduação. Na ocasião, um dos 42 profissionais que integraram o quadro docente dos cursos na época será homenageado. Entretanto, conforme os integrantes do grupo, o nome do professor só será divulgado durante o encontro.

LISTA DOS FORMANDOS DA PRIMEIRA TURMA:

Administração:

  1. Airton Novelletto;
  2. Altamiro Bitencourt;
  3. Álvaro Câmara Ávila;
  4. Alzira Macarini;
  5. Antenor Felippe;
  6. Ardelei Porto;
  7. Delir João Milanezi;
  8. Florisvalda Dario;
  9. Hédio Francisco Nunes;
  10. Jadna Lair Gava;
  11. João Isé;
  12. José Carlos Maciel;
  13. João Oto Schmitz;
  14. Lanyard José Veran;
  15. Márcia Rossana Diehl;
  16. Marli M. Aguiar Ortolan;
  17. Nelcy Luchtemberg;
  18. Nilson Olivo;
  19. Osmar Rogério Piovesan;
  20. Otto Luiz Farias;
  21. Raymundo Marcomin;
  22. Roberto Maffioleti;
  23. Rosemere Maria Resmini;
  24. Rui Dal Pont;
  25. Santina Caciatori;
  26. Sinésio Volpato;
  27. Valentim Damiani;
  28. Valmor Rabelo.

Ciências Contábeis:

  1. Adão Jacob Cruz;
  2. Adílio Pizzolo;
  3. Adilson José Faraco;
  4. Advânio Roberto Canarin;
  5. Ari Oliveira Alano;
  6. Arlindo Jacob Junkes;
  7. Benta Joana Alano;
  8. Deomário Alves Fernandes;
  9. Dioclésio João Silveira;
  10. Édison Luiz de Oliveira;
  11. Elizete Aguiar;
  12. Francisco Theófilo Faraco;
  13. Ivete de Jesus Biff;
  14. José Aristide Virtuoso;
  15. José Milanez;
  16. Lúcio Braz da Rosa;
  17. Lucimar Lazarin Ugioni;
  18. Maria Narciza Cechinel Felippe;
  19. Moacir Sônego;
  20. Nelson Macarini;
  21. Nestor Nuernberg;
  22. Nilo de Oliveira (orador);
  23. Odete Carminati;
  24. Salvato Bitencourt Filho;
  25. Sidinei José Zanelatto;
  26. Teodoro Ivo Merlich;
  27. Valda Steiner;
  28. Valmiré Carlos da Veiga;
  29. Vilson Becker Fávaro;
  30. Vilson Furlanetto;
  31. Wulfredo Triches.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.