Criciúma: revitalização da Rodovia Luiz Rosso prevista para 2020

Processo de recuperação da rodovia deve iniciar ainda em janeiro. Em seguida, será a vez da Avenida Luiz Lazzarin

Foto: Lucas Colombo/TN
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Está previsto para 2020 o processo de revitalização da Rodovia Luiz Rosso, considerada o “Acesso Centro” de Criciúma. A recuperação contemplará os pontos críticos dos quase 12 quilômetros de via, que foram reportados na edição de ontem do jornal Tribuna de Notícias.

- PUBLICIDADE -

As melhorias envolverão desde o pavimento asfáltico até a sinalização do trecho. “Assim como fizemos na Avenida Universitária, que concluímos recentemente com a implantação de uma rótula com o Anel Viário, nós também vamos fazer a revitalização de toda a Rodovia Luiz Rosso, com previsão de início da obra para a segunda quinzena de janeiro”, pontua a secretária de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana de Criciúma, Kátia Smielevski.

Inicialmente, os trabalhos no “Acesso Centro” estavam estimados para ocorrer a partir de setembro de 2019. Entretanto, com a demora na conclusão da Avenida Universitária, na região do bairro Santa Luzia, o prazo foi ampliado pelo Município.

Melhoria no acesso ao Rio Maina

Outra via criciumense que possui tráfego intenso e será, em breve, recuperada é a Avenida Luiz Lazzarin, que liga a área central da cidade ao distrito de Rio Maina. “Ela não está tão ruim, mas vai passar por um processo de revitalização, assim como a Luiz Rosso. Concluindo a Centenário, vamos para a Luiz Rosso e Luiz Lazzarin”, garante o prefeito Clésio Salvaro.

Segundo ele, a Administração Municipal está cobrando do Estado a execução da quarta etapa do Anel de Contorno Viário, entre os bairros Vila Zuleima e Rio Maina. “É um trechinho de 2,6 quilômetros. Está pronto o projeto, falta o Estado licitar. Quando concluir o Anel de Contorno Viário vai melhorar muito a mobilidade naquela região”, acrescenta Salvaro.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.