Campanha reforça importância da prevenção ao HIV e Aids

Dezembro Vermelho busca conscientizar a população sobre medidas como o uso de camisinha em relações sexuais

Foto: Lucas Colombo/TN
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Uma doença silenciosa, sem cura e que, se não tiver o diagnóstico e tratamento adequados, leva o paciente a óbito. Assim é a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida, popularmente conhecida como Aids. Provocada pelo vírus HIV, a infecção tem acometido principalmente jovens adultos, mas pode atingir qualquer pessoa com vida sexual ativa, o que reforça a importância da prevenção. Neste domingo, 1º, Dia Mundial de Luta contra a Aids, o assunto ganha reforço e ainda mais destaque nos municípios da região.

- PUBLICIDADE -

Em Criciúma, a campanha conhecida como “Dezembro Vermelho” contará com algumas atividades ao longo das próximas semanas. Neste sábado, 30, o Programa de Atenção Municipal às DST/HIV/Aids (Pamdha) e as Unidades Básicas de Saúde (UBS) estarão abertos das 8h às 17h, com a oferta de testes rápidos à população.

Já a partir da próxima semana, as pessoas consideradas mais suscetíveis a contraírem o vírus terão acesso a um exame rápido, fácil e que poderá ser feito por elas mesmas. “Criciúma será uma das cinco cidades de Santa Catarina a oferecer o autoteste para HIV. Ele está indicado para quem não acessa o serviço e que tem um risco maior ao HIV. É a população-chave que precisamos intensificar as ações, pois o diagnóstico precoce favorece no tratamento, bem como na qualidade de vida”, explica a coordenadora do Pamdha, Patrícia Rodrigues.

Pedágio beneficente 

Formado por voluntários e profissionais da saúde, o Grupo de Apoio e Prevenção à Aids de Criciúma (Gapac) realiza um pedágio solidário neste sábado, na Avenida Centenário. A ação é voltada a arrecadar recursos para manter a instituição que atua na prevenção de DST/HIV/Aids, apoiando ações que promovam a vida e combatendo o preconceito e a discriminação.

Os voluntários do Gapac também destinarão parte do valor para a compra de cestas básicas, que serão distribuídas às famílias de pessoas soropositivas.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.