Waguinho Dias ainda é técnico do Brusque

Profissional ainda aguarda uma ligação de dirigentes do Criciúma com uma proposta para trabalhar no clube. Diretor do time do Vale nega pedido de demissão


- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Um dos técnicos que está na mira do Criciúma, Waguinho Dias, ainda é treinador do Brusque. A informação é confirmada pelo diretor de futebol do clube, Carlos Beauting. O dirigente nega que profissional tenha pedido demissão para acertar com o Tigre. “Ele não pediu demissão. Apenas nos comunicou que recebeu um contato do Criciúma e iria ouvir o clube. Estão dizendo por aí que ele pediu demissão, mas ele não pediu. Ele recebeu uma ligação do Criciúma e iria ouvir uma proposta”, pontua o diretor.

Waguinho, por outro lado, nega, inclusive, que tenha recebido uma ligação do diretor de futebol do Criciúma, João Carlos Maringá. “Não. Até agora não recebi contato. Me falaram que o clube (Criciúma) faria uma ligação, mas estou aguardando ainda”, comentou o treinador.

Beauting reforça que o treinador ouviria o Tigre e depois repassaria a situação para os dirigentes do Bruscão. “Diante da oferta do Criciúma, ele vem nos comunicar. Até porque tem uma multa e algumas situações para serem resolvidas”, comenta o diretor.

Um primeiro contato teria sido feito, na noite de terça-feira, mas Waguinho estava na festa de comemoração pelo título da Série D e não conseguiu responder ao suposto telefonema do Criciúma. “Ele falou que recebeu uma ligação do Criciúma e estava em uma festa, de comemoração pelo título da Série D, e não podia falar. Hoje (Quarta-feira), ele ouviria o Criciúma e depois retornaria para falar com o clube”, finalizou Beauting.

Desde a saída de Gilson Kleina, Wilsão segue como técnico interino do Criciúma e deve ser mantido para as partidas contra o Paraná, no sábado, e também diante do Oeste, na próxima terça-feira. Waguinho tem 56 anos e além das equipes catarinense, já trabalhou em clubes como Operário-MS, Audax-RJ, Santa Rita e Rio Branco.

Além de conquistar a Série D com o Brusque, Waguinho obteve resultados expressivos em outros clubes como: Inter de Lages, Atlético Tubarão e Marcílio Dias. O técnico foi campeão da Copa Santa Catarina em 2017 com o Peixe. Já em Lages, o comandante conseguiu o terceiro lugar do Catarinense em 2016. Com a equipe de Itajaí não foi diferente. Waguinho trouxe a equipe a elite do estadual de Santa Catarina.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.