Time de Criciúma é bronze no futebol

Bairro da Juventude fatura o terceiro lugar no Moleque Bom de Bola, após vencer o Colégio Catarinense, de Florianópolis, no jogo decisivo

- PUBLICIDADE -

Criciúma

O time de futebol do Bairro da Juventude conquistou a terceira colocação no Campeonato Escolar Moleque Bom de Bola. Os meninos jogaram ontem, 3, em Antônio Carlos. O lugar no pódio foi garantido após a vitória por 2 a 1 contra o Colégio Catarinense, de Florianópolis. O vencedor da competição foi o Colégio Incentivo, de Biguaçu.

- PUBLICIDADE -

Acompanhados dos professores Allan Rezende e Saimon Pereira, a equipe estreou na quarta-feira, com vitória de 10 a 1, sobre a Escola Dom Orlandi Dotti, de Caçador. Na quinta-feira aplicou 2 a 0 contra o Colégio Catarinense de Florianópolis e fechou a fase classificatória vencendo, por 6 a 0, a Escola Maria José Duarte, de Campo Alegre.

Com a primeira colocação do grupo D, o Bairro da Juventude enfrentou nas quartas de final, a Escola Semiramis Bosco Witmarsum vencendo pelo placar de 3 a 0, garantindo a vaga para a semifinal. E foi na semi que os meninos acabaram perdendo seu primeiro jogo, por 3 a 1, contra a Escola Alice da Silva Gomes, de São João Batista.“Foi uma grande experiência para os alunos, infelizmente não conseguimos o título,  mas o terceiro lugar é a garantia do bom trabalho que está sendo realizado pelo professores e pela Instituição que acredita nesses garotos talentosos e os incentiva”, pontua Rezende.

O técnico agradece ao apoio das famílias na participação dos meninos no torneio. “Aos familiares nossa gratidão, eles também foram fundamentais em todo o processo. A participação do time na competição também nos traz a possibilidade de participação na etapa estadual do ano que vem”, finaliza Rezende. Ao todo, foram 32 equipes do estado disputando o Moleque entre categoria feminino e masculino.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.