Tigre precisa começar o “milagre” contra o Operário

Precisando, ao menos, de quatro vitórias, em seis jogos, Criciúma precisa bater o time paranaense, fora de casa, hoje, para ainda ter chances de fugir do rebaixamento

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Ponta Grossa/PR

- PUBLICIDADE -

Sem vencer há sete partidas, o Tricolor Carvoeiro não tem mais tempo para adiar uma reação na Série B. Restando apenas seis rodadas para o final da competição, o time treinado por Roberto Cavalo precisa de, ao menos, quatro vitórias para alimentar uma esperança de permanência na Segunda Divisão. A nova busca por um triunfo acontece hoje, às 20h30min, diante do Operário, em Ponta Grossa, no Paraná. “Não podemos baixar a cabeça. Não nos entregamos. Temos jogos pela frente e batalhado bastante, mas, infelizmente não estamos conseguindo ganhar”, comenta o técnico Roberto Cavalo.

Além da necessidade de vencer, o Criciúma precisa administrar o desgaste causado pelo curto espaço de tempo entre a partida de sábado, diante do São Bento, a viagem para Ponta Grossa e o jogo desta noite. “Temos as baixas das lesões e dos cartões. Isso faz a gente ter apenas os 18 jogadores. Em um tempo curto demais, repensamos e analisamos aqueles que estão com melhores condições para enfrentar o Operário. Eles jogaram antes e nós tivemos a viagem. O desgaste e o cansaço batem nos jogadores. Recuperamos o pessoal na segunda para jogar terça”, explica Cavalo.

Confiança na vitória que teima em não vir

O último triunfo na Série B aconteceu, justamente, na estreia de Roberto Cavalo. A data era 28 de setembro. De lá para cá, foram cinco empates e duas derrotas. Em 21 pontos disputados, apenas cinco ganhos. Mesmo assim, o treinador acredita que, em algum momento, a sorte do time mudará. “A torcida pode ter esperança e fé. O importante é que o grupo tem vontade e empenho. O que eu passo para a torcida é que vai ser sofrido, não termina amanhã (hoje). Vamos jogar contra o Operário e uma hora, não é possível, a gente vai ter mais qualidade de finalizações ou uma arbitragem que não nos atrapalhe”, enfatiza.

Atletas Relacionados

Goleiros: Paulo Gianezini e Wagner

Laterais: Carlos Eduardo, Marlon e Bruno Oliveira

Zagueiros: Derlan, Thales e Sandro

Volantes: Liel, Jean Mangabeira, Adilson Goiano e Eduardo

Meias: Daniel Costa e Reis

Atacantes: Vinícius, Léo Gamalho, Reinaldo e Luquinha

 

Campeonato Brasileiro – Série B – 33ª Rodada

05/11 (terça-feira) – 20h30 – estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa/PR

OPERÁRIO-PR

Rodrigo Viana; Mailton, Alisson, Rodrigo e Peixoto; Jardel, Índio, Marcelo e Cleyton (Cleo Silva); Lucas Batatinha e Felipe Augusto. Técnico: Gerson Gusmão

CRICIÚMA

Paulo Gianezini; Carlos Eduardo, Derlan (Thales), Sandro e Marlon; Jean Mangabeira (Luquinha), Liel, Eduardo e Daniel Costa; Vinícius e Léo Gamalho. Técnico: Roberto Cavalo

Arbitragem: Rodrigo Baptista Raposo; Auxiliares: Lehi Sousa Silva e Leila Naiara Moreira da Cruz (trio do DF)

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.