Próspera: Em busca de maior efetividade

Próspera quer transformar as chances criadas em gols. Na quarta-feira, equipe criou mais de uma dezena de oportunidades, mas perdeu para o Blumenau, fora de casa

- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Criciúma

- PUBLICIDADE -

O Próspera está no divã. A equipe vive um paradoxo: cria muitas chances, tem mais volume de jogo, é superior nas partidas, mas não consegue marcar a quantidade necessária de gols para vencer os jogos. Na quarta-feira, em Indaial, a equipe teve praticamente 70% de posse de bola, criou 14 chances de gols, mas perdeu para o Blumenau por 2 a 1. Detalhe: o adversário chegou apenas duas vezes ao gol do Time da Raça.

O time da casa anotou um gol em cada etapa da partida: no primeiro tempo, aos 40 minutos, Bruninho abriu o placar. Na etapa final, aos 35 minutos, o camisa 10  Sérgio Alan ampliou para 2 a 0. O Próspera descontou no minuto seguinte com Daniel, mas ficou nisso: 2 a 1. O time criciumense estacionou nos cinco pontos, enquanto o Blumenau chegou a seis. “O jogo foi truncado, mas a gente, mais uma vez, teve mais posse de bola e conseguimos jogar. O que falou para nós, novamente, foi botar a bola na rede. Claro que o resultado que importa é a vitória, não adianta eu dizer que a gente errou muito nas conclusões. O que interessa é a vitória e a gente tem consciência disso. Poderíamos ter somado, ao menos, um ponto para que a gente pudesse subir na tabela”, pontua o técnico do Próspera, Luiz Paulo Bugre.

Após os resultados da 5ª rodada, o Próspera caiu duas posições na tabela de classificação e agora é o 7º colocado. Porém, apenas três pontos separam o Time da Raça do Fluminense, de Joinville, quarto colocado. “Os nossos adversários não se distanciaram. Os resultados nos ajudaram, mas a gente não pensa só nos oponentes e nos resultados. Temos foco no nosso time e no nosso trabalho. A gente sabe que tem que ganhar os jogos e, principalmente, quando tiver as oportunidades: concluir. Foi isso que faltou para nós, mas vamos trabalhar para o jogo de domingo. É uma partida em cima da outra, não temos muito tempo para treinar, mas estamos conscientes que precisamos vencer dentro de casa”, finaliza Bugre. O próximo jogo do Próspera é no domingo, às 15 horas, diante do Camboriú, no estádio Mario Balsini.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.