Criciúma: Basquete em três finais no Estadual

Equipe de Criciúma celebra a chegada na decisão em categorias diferentes do Catarinense. Jogos serão disputados ainda em outubro

- PUBLICIDADE -

Criciúma

O basquete feminino de Criciúma coleciona excelentes resultados nesta temporada. Em outubro, as equipes da Fundação Municipal de Esportes (FME)/Satc disputarão finais de estaduais em três categorias diferentes.

- PUBLICIDADE -

A última categoria a garantir vaga entre as melhores do Estado foi a Sub-12. Jogando em Penha, as criciumenses venceram três de quatro partidas disputadas e garantiram vaga na fase final, que será disputada no fim de outubro, ainda sem local confirmado.

No fim de semana, o time Sub-13 disputará o título Catarinense, em Penha, tendo como adversários, além da equipe da casa, os municípios de São Miguel do Oeste e São Bento do Sul. Sete dias depois será a vez da categoria Sub-15 brigar pelo ouro Estadual. As criciumenses jogarão em Jaraguá do Sul contra o time local e as cidades de Joinville e Florianópolis.

A técnica da FME/Satc, Luana Scaini Minotto destaca a importância da sequência de competições para uma campanha vitoriosa na temporada. “A gente vem trabalhando desde o início do ano pra conseguir chegar em pódio em todas as categorias e estando tendo bastante sucesso. Isso nos alegra muito e faz com que o projeto cresça e ganhe mais credibilidade, se tornando um dos melhores do Estado e do país”, pontua.

Colocações expressivas em outros desafios

Além dos campeonatos ainda em disputa, Criciúma chegou entre os quatro melhores de Santa Catarina na categoria Sub-17 e no Campeonato Sul Brasileiro Sub-15, foi sexta colocada no Estadual Sub-19 e na Olesc, vice-campeã dos Joguinhos Abertos e dos Jogos Escolares de 15 a 17 anos, e conquistou o título dos Jogos Escolares Estaduais de 12 a 14 anos e no Nacional Sub-17, no módulo prata. “É um trabalho feito pela Luana com muita seriedade e que conta com um bom suporte da Fundação e da Satc. Esse tipo de parceria gera resultados importantes para o esporte do município e nos coloca sempre entre os melhores”, frisa o presidente da FME, Nícola Martins.

A modalidade conta ainda com destaques individuais em 2019. A atleta Paula Bernardo foi campeã Sul Americana com a Seleção Brasileira Sub-14, no Equador, enquanto Mariana Zanelatto, de 20 anos, foi convocada para jogar em uma universidade nos Estados Unidos, e Isabella Thomé de Jesus, de 15 anos, também serviu a Seleção.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.