Pedagogos passam por avaliação do Prêmio Acic do Professor

Avaliação escrita foi aplicada na manhã deste sábado, 28, na sede da Associação Empresarial de Criciúma

Foto: Divulgação/Acic
- PUBLICIDADE -

Criciúma

Pedagogos que atuam do primeiro ao quinto ano na região passaram por uma das etapas do Prêmio de Valorização do Profissional de Educação da Associação Empresarial de Criciúma (Acic) na manhã deste sábado, 28, na sede da entidade.

- PUBLICIDADE -

A avaliação deste sábado contou com duas provas direcionadas às disciplinas de Matemática e Língua Portuguesa. Cada uma das avaliações conteve 20 questões, sendo 17 de múltipla escolha e três discursivas, elaboradas pela Instituição Técnica Conveniada (ITC), e ainda a redação. As avaliações tiveram como base os critérios utilizados no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (SAEBC) e na Prova Brasil, de acordo com as competências estabelecidas na Base Nacional Comum Curricular para a área de Matemática e Língua Portuguesa.

Para a professora Andréia Mirtes, de Criciúma, as avaliações estavam muito bem elaboradas. “Acredito que fui bem. As questões estavam com um nível excelente. É a primeira vez que participo e fiquei muito feliz que houve essa oportunidade para os pedagogos. Geralmente, os concursos focam algumas disciplinas específicas, e os pedagogos são esquecidos”, destaca.

Já a professora Maria Edilene Brognoli, de Forquilhinha, observa que os textos aplicados nas provas provocaram muitas reflexões. “Um deles falava sobre o nosso desafio enquanto educador sobre o incentivo à leitura. Outro ponto muito bacana deste concurso é a oportunidade que temos de autoavaliação, fizemos isso o tempo todo com os alunos e, como está o nosso desempenho?”, provoca.

A coordenadora de projetos educacionais da Acic, Rose Reynaud, também destaca a importância da formação contínua. “Com certeza, o prêmio oportuniza desafiar-se a aprender, se autoavaliar e desenvolver-se como profissional. É possível também ter um diagnóstico para a formação continuada do professor. No ano passado, o prêmio esteve voltado somente aos professores da disciplina de matemática do sexto ao nono ano, e nesta segunda edição estamos abrangendo os pedagogos do primeiro ao quinto ano.  Queremos agradecer muito aos professores que estão participando desta segunda edição, pois é uma oportunidade de aprendermos juntos”, explana.

Demais etapas do prêmio

Os professores que se inscreverem no concurso serão avaliados pela formação acadêmica, prova escrita, comprovação de uma prática inspiradora, por meio de relatos de experiências, e pesquisa de satisfação dos alunos que compõem a turma em que o professor está atuando.

Serão selecionados cinco professores vencedores. O primeiro lugar receberá um diploma “Professor Excelência em Educação nos Anos Iniciais Do Ensino Fundamental”, troféu, bolsa para curso de inglês, bolsa para curso de especialização e um cheque no valor de R$ 2,5 mil. O evento de premiação acontecerá em 5 de dezembro.

Participam desta edição os municípios envolvidos no Prêmio Acic de Matemática: Criciúma, Nova Veneza, Siderópolis, Içara, Cocal do Sul, Maracajá, Balneário Rincão e Forquilhinha.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.