Workshop leva informações a quem quer ser piloto de avião e helicóptero

Evento ocorre na terça-feira, dia 15, e é promovido pela Aerovia Escola de Aviação, de Criciúma

Foto: Thiago Oliveira/TN
- PUBLICIDADE -

Marciano Bortolin

Criciúma

- PUBLICIDADE -

Os apaixonados pela aviação, aqueles que têm interesse em comandar uma aeronave, mas não sabe como e nem por onde começar têm a oportunidade de sanar as dúvidas através do workshop “Passo a passo para você se tornar piloto de avião e/ou helicóptero”, que será comandado pelo piloto e instrutor de voo, Max Azevedo. O evento gratuito acontecerá na terça-feira, dia 15 de outubro, na sede da Aerovia Escola de Aviação, no bairro Comerciário, em Criciúma. Nele, os participantes terão noções da parte teórica e prática e os caminhos na busca pela capacitação para se tornar um piloto.

Azevedo destaca que a internet possui muitas informações sobre o assunto, porém deixam muitas dúvidas. “Hoje encontramos informações difusas e não as conseguimos em um local só. Além disso, a legislação não é clara, é preciso de uma interpretação. Passamos tudo isso e no final do workshop abrimos para perguntas”, fala Azevedo, acrescentando que durante a palestra cita as áreas de atuação, média de vencimentos, entre tantos outros temas. “A intenção é dar o passo a passo da vida de piloto. Muitos sonham, mas acham que está distante, então mostramos os caminhos essenciais para realizar este desejo”, cita.

Os interessados em participar do evento podem entrar em contato pelo (48) 99966-2676 ou ainda pelo Instagram: @escolaaerovia.

Gaúcho de Porto Alegre, Max Azevedo é da reserva da Força Aérea Brasileira (FAB), onde atuou por 32 anos. Entre suas funções, estava o lançamento de paraquedismo, o transporte de aeromédicos, além de outas. Ele lembra que também participou do resgate às vítimas da tragédia da Boate Kiss, de Santa Maria, em 2013.  Ao se aposentar rumou para Orleans para ficar perto da filha que cursa a faculdade de Medicina Veterinária, decidindo por abrir uma escola teórica para postulantes à piloto. A experiência em ensina ele adquiriu ao longo dos anos em que exerce a função: desde 1996. “Criciúma é um polo, tem mais de 200 mil habitantes e fica perto de Florianópolis e de Porto Alegre, então decidi por abrir a escola aqui. Disponibilizamos de curso de pilotos para avião e helicóptero e hoje estamos na segunda turma”, comenta.

Dos quatro alunos desta turma, dois já irão realizar as provas. “A minha proposta é fornecer o curso teórico, preparar o pessoal para segurança de voo e para a prática, podendo o formados atuarem, inicialmente, como piloto privado e na sequência, como comercial”, diz.

Um dos que aprendem com Azevedo é o empresário de Tubarão Lindomar Corrêa Júnior, que vê na escola montada em Criciúma a chance de tirar o sonho de criança do papel. “Sempre procurei aulas para me capacitar, mas não encontrava na região, apenas em Porto Alegre”, relata.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Marciano Bortolin
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.