Crematório a preço popular inaugura em Criciúma

Estabelecimento, do grupo Millenium, abre as portas na segunda-feira, dia 25, e atenderá todo o Sul do estado

- PUBLICIDADE -

Marciano Bortolin

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A Região Sul de Santa Catarina ganhará a partir da próxima segunda-feira, dia 25, um novo crematório. Localizado na Avenida Santos Dumont, no bairro São Luiz e a 30 metros do cemitério, o Crematório Criciúma, integrante do grupo Millenium, que já opera em Içara, trará preços mais acessíveis. “Este empreendimento visa uma fatia de público que o Millenium não consegue atender, mostrando que a cremação é acessível para todos, com valores mais em conta. Estrutura mais enxuta, mas em um ponto de logística muito significativo porque está a 30 metros do Cemitério do bairro São Luiz, o segundo maior ponto de realização de velórios”, ressalta o gerente administrativo, Paulo Sérgio Reichle.

O local, que inaugura às 16h, porém, não terá salas para velório, oferecerá somente a cremação. “Com isso conseguimos dar dinâmica grande para o processo. As pessoas, muitas vezes querem fazer o velório em seus bairros, e não querem cerimonia grande”, fala.

Os valores, aponta Reichle, ainda não foram definidos porque depende dos convênios que serão firmados com as Prefeituras. “Vai variar de acordo com a cidade, mas vai ter preços bem competitivos, ainda mais com as parcerias com as Administrações Municipais. Em algumas cidades, inclusive, a população terá grandes benefícios”, comenta.

Com sede em Criciúma, o novo estabelecimento atenderá todo o sul do estado, abrangendo a Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc) e a Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel).

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Criciúma
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.