A Unesc ainda mais presente no Extremo Sul catarinense

Projeto aproximará comunidade e Universidade na Amesc

- PUBLICIDADE -

A manhã desta quinta-feira (31/10) ficará marcada na história da Unesc Araranguá. Inaugurado em setembro, a unidade recebeu pela primeira vez visitantes de uma escola da região. O momento especial, idealizado pelo Museu de Zoologia Professora Morgana Cirimbelli Gaidzinski, também será lembrado com carinho como o primeiro dia do projeto de extensão “Unesc ao seu alcance”.

A dinâmica do dia fora da sala de aula, envolveu 80 alunos do Ensino Médio da Escola de Educação Básica Professora Neusa Ostetto Cardoso, de Araranguá (a quarta maior da região), apresentou a estrutura da Universidade e também proporcionou momentos de aprendizados. O roteiro da visita incluiu uma palestra sobre a evolução dos seres vivos, ministrada pelo professor Tiago Moreti, e um tour pela Unesc Araranguá.

- PUBLICIDADE -

Segundo a coordenadora do Museu, Morgana Cirimbelli Gaidzinki, o objetivo do projeto é promover encontros como este uma vez ao mês, contemplando variados assuntos, aproximando a Universidade de instituições de ensino da Amesc (Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense) e auxiliando estudantes do Ensino Médio – especialmente os do terceiro ano – na preparação para o vestibular.

“A aproximação é uma proposta de fortalecimento do processo de educação realizado nas escolas e, principalmente, um estímulo a jovens alunos a na busca pelo conhecimento. Quando inseridos no projeto, muitas vezes como primeiro contato com uma instituição de ensino superior, o estudante sentirá que a Universidade está ao seu alcance”, explicou Morgana.

A diretora da escola, Maria José Barbosa Vieira, comemorou a oportunidade de ver seus alunos no primeiro dia do projeto. Para ela, estar presente neste momento significa um novo horizonte aos seus estudantes. “É uma nova perspectiva aos jovens de uma comunidade simples, feliz e batalhadora”, destacou.

Momento de oficializar o projeto

O primeiro dia da proposta também ficou marcado pela concretização da iniciativa, com a presença de autoridades da Instituição e do município. A diretoria de Extensão, Cultura e Ações Comunitárias da Unesc, Fernanda Sônego, ressaltou que a iniciativa é uma oportunidade para todos os envolvidos. “Hoje é uma manhã especial, o primeiro dia deste importante projeto. Ao acolher a primeira escola dentro desta unidade, estamos mais próximos da consolidação nesta região. A proposta, desta e das futuras ações, transformará o agora e o futuro”, destacou.

O dia também foi comemorado pela secretaria de Educação de Araranguá, Ariane Almeida. “A chegada da Instituição permite que nossos estudantes sonhem ainda mais alto. Novas possibilidades são apresentadas e tenho a certeza que se propagarão para além dos muros. O futuro é construído pelo conhecimento, e ele inicia agora”, frisou.

O diretor de Pesquisa e Pós-graduação, Oscar Montedo, foi além e ressaltou a missão da Unesc para com as pessoas. “Uma instituição comunitária pertence a comunidade. Está em nosso DNA, buscamos colaborar com o desenvolvimento dos espaços e das pessoas. Ao chegar em Araranguá, a Unesc, mais do que se fazer ainda mais presente, se coloca à disposição para mudar vidas”, afirmou.

Para a escola participar do “Unesc ao seu alcance”, basta entrar em contato com o Museu de Zoologia, pelo telefone (48) 3431-2573. Para facilitar a chegada dos estudantes à unidade, o objetivo é proporcionar, quando possível, auxílios como transporte e lanches. Nesta primeira edição, a empresa União de Transporte foi parceira.

A chegada da Unesc em Araranguá

A presença da Universidade e de toda a sua expertise em Araranguá se ampliou no dia 24 de setembro. Agora, a região que já conta com a estrutura da Instituição, espera pela “Cidade Universitária”, um bairro completo planejado a partir de tendências mundiais.

A ação é resultado de uma parceria com a Weber Empreendimentos e promete movimentar não só o setor educacional, mas toda a economia da região, contribuindo fortemente com o desenvolvimento social, econômico, ambiental e cultural do Extremo Sul catarinense.

Os alunos que chegam à atual Unesc Araranguá deparam-se com uma estrutura de excelência, com salas de aula, auditório, laboratórios de informática, espaços para criação, salas que dinâmicas que se transformam de acordo com a necessidade da troca de informação.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.