Professora de Passo de Torres morre com suspeita de meningite

Profissional lecionava no CEI Mundo Feliz e veio a óbito no sábado, 12, no Hospital Nossa Senhora dos Navegantes, em Torres (RS)

Foto: Informativo Regional
- PUBLICIDADE -

Matheus Reis

Passo de Torres

- PUBLICIDADE -

Mais uma alerta contra a meningite foi ligado na Região Sul de Santa Catarina. Desta vez em Passo de Torres, na divisa com o Rio Grande do Sul. O questionamento foi levantado depois que a professora Raquel Santos de Sá, que lecionava no Centro de Educação Infantil (CEI) Mundo Feliz, morreu com sintomas da doença no Hospital Nossa Senhora dos Navegantes, em Torres (RS), no sábado (12).

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SMEC) emitiu uma nota de esclarecimento pelas redes sociais, no domingo, 13. Conforme o texto, é esperado o laudo que está em análise no Laboratório Central (Lacen) do Rio Grande do Sul.

A SMEC aponta, ainda, que já foi iniciado o processo de quimioprofilaxia, ou seja, distribuição de remédios, para aqueles que tinham contato com a profissional, incluindo familiares e alunos.

Conforme a secretaria, a Vigilância Epidemiológica de Passo de Torres e a Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Cataina (Dive-SC) acompanham o caso.

Duas crianças morreram em Criciúma

No final de setembro o Lacen de Santa Catarina confirmou a morte de duas crianças, que frequentavam o Centro de Educação Infantil Beato Aníbal Maria di Francia, em Criciúma, vítimas de Meningococcemia e Meningite Bacteriana.

Relembre o caso: 

Meningococcemia e Meningite Bacteriana são as doenças que mataram as crianças de Criciúma

 

 

 

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.