Idosa denuncia agressão de ex-marido com quem viveu por 40 anos

Conforme relatos, agressões ocorrem há quatro meses porque ela se recusa a reatar relacionamento

- PUBLICIDADE -

Gravatal

Uma idosa de 66 anos pediu ajuda à Polícia, no posto da Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) de Gravatal, após ser agredida pelo ex-marido, na noite de segunda-feira, 9.

- PUBLICIDADE -

Segundo informações repassadas pela Polícia, ela afirmou que o marido, com quem viveu por mais de 40 anos, tentou mais uma vez reatar o casamento. Após receber uma negativa, ele a agrediu verbalmente e fisicamente.

A vítima informou que esta situação iniciou há quatro meses e contou, ainda, que o agressor feriu-se sozinho e alegou que também iria denunciá-la. Quando ele foi embora, ela foi até o posto da PMRv, que a orientou a ir na Delegacia de Polícia Civil de Gravatal para solicitar uma medida protetiva.

Um Boletim de Ocorrência (BO) foi confeccionado e foi requerido Exame de Corpo de Delito.

 

 

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.