Homem que atropelou e matou vigilante se apresenta à polícia

Jovem, de 21 anos, confessou ser o motorista da Pajero TR4 que atingiu a Ediane da Cunha Medeiros da Rosa. Ele assumiu ter ingerido bebida alcoólica.

- PUBLICIDADE -

Lucas Renan Domingos

Criciúma

- PUBLICIDADE -

A Polícia Civil de Criciúma já sabe quem é o motorista de uma Pajero TR4, com placas de Criciúma, que atropelou e matou a vigilante Ediane da Cunha Medeiros da Rosa, de 26 anos. Um jovem, de 21 anos, compareceu na 1ª Delegacia de Polícia (1ª DP) de Criciúma nesta segunda-feira, 12, e confessou ser o condutor do veículo. O crime ocorreu na madrugada do último domingo, 11, no Bairro Santa Bárbara.

Conforme o delegado Fernando Possamai, responsável pelas investigações, o suspeito assumiu ter ingerido bebida alcoólica. “Ele afirmou que foi em uma festa e retornava para casa. Foi quando atingiu um objeto, mas disse não ter visto que era uma pessoa. Só viu a que atingiu uma placa de trânsito, por isso não parou”, contou o delegado.

O carro foi recolhido e passará por perícias. Como o jovem se apresentou, acompanhado de um advogado e do pai, ele vai responder ao inquérito policial em liberdade. “Vamos aguardar mais informações periciais, como velocidade do carro no momento do atropelamento, local do crime e outras informações. Precisamos disso para concluir as investigações. Em um primeiro momento, estamos tratando como homicídio culposo”, ressaltou o delegado.

 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.