Detalhes são ajustados para o bazar da Casa Guido

Evento será realizado na sexta-feira e no sábado, dias 9 e 10, no salão da Catedral São José, em Criciúma

Foto: Divulgação

- PUBLICIDADE -

Criciúma

Escolha, separação, etiquetagem, embalagem. Assim está sendo a rotina na Casa Guido nesses últimos dias que antecedem a segunda edição do Bazar Solidário da instituição. Com a ajuda de voluntários, a preparação para o evento segue em ritmo acelerado. A ação será realizada na próxima sexta-feira, 9, das 9h às 19h, e no sábado, 10, das 9h às 14h, no salão de festas da Catedral São José, no Centro de Criciúma.

- PUBLICIDADE -

Mais de 6 mil peças já foram arrecadadas para o evento e serão vendidas por valores de R$ 3 a R$ 100, sendo roupas e acessórios para adultos e crianças.

Conforme a responsável pelo setor de marketing da instituição e organizadora do evento, Maira Sartor, mais uma vez todos os esforços e expectativas se voltam ao bazar. “É uma ação que exige muita dedicação, que inicia meses antes com o contato com as empresas, depois o recolhimento das peças, separação e tudo mais. Apesar de ser algo que envolve todo esse esforço nosso e de muitos voluntários, o bazar é um dos nossos principais eventos e onde depositamos muita expectativa pelo bom resultado. Estamos trabalhando para isso e contamos com o apoio da comunidade para nos prestigiar”, comenta.

Todo o valor arrecadado com as vendas do bazar será destinado para a compra da sede da instituição, orçada em R$ 1 milhão. “Desse total, faltam pouco mais de R$ 100 mil, o que pode ser considerada a reta final das arrecadações. Iniciamos a campanha há pouco mais de um ano e com o apoio de todos já conquistamos muito. Queremos que o bazar represente mais um grande passo”, completa Maíra.

Ainda dá tempo

Os interessados em fazer doações de produtos novos e seminovos ainda podem colaborar. A instituição estará recebendo roupas, calçados e acessórios adultos e infantis até a próxima quarta-feira, 7, na sede, na Rua Santo Antônio, 790, no Centro. Mais informações podem ser obtidas no telefone (48) 3045-6211.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.