Comunidade terapêutica de Criciúma precisa de ajuda

Desafio Jovem Calebe depende da contribuição da comunidade para continuar funcionando. Local acolhe 35 homens com dependência química

Foto: Lucas Colombo/DN

- PUBLICIDADE -

Suelen Bongiolo
Criciúma

Localizado em meio à natureza, o Desafio Jovem Calebe, de Criciúma, vem há um ano acolhendo homens com dependência química ou alcoólica. Entretanto, devido às dificuldades financeiras enfrentadas, a comunidade terapêutica pede ajuda da população para continuar com as atividades. O espaço, situado no bairro Mina do Toco, abriga atualmente 35 pessoas de toda a região Sul do estado.

- PUBLICIDADE -

De acordo com o presidente do Desafio Jovem, Wagner Santos, o local paga mensalmente R$ 2,5 mil de aluguel e entre R$ 600 e R$ 800 de energia, cujas contas estão com atraso de três meses. Caso não consiga recursos, a casa terá de parar definitivamente com as atividades. “Só se fechar as portas. Mas é muita gente. Para onde eles vão? É bem difícil a situação”, pontua o presidente.

Quem quiser ajudar, os telefones para contato são (48) 99953-9532 ou 98424-1530.

Confira mais detalhes sobre o assunto na edição deste fim de semana do jornal Diário de Notícias. 

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar
Por: Suelen Bongiolo
Em: Criciúma

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.