- PUBLICIDADE -

Brusque

O Tubarão decidirá a classificação para a próxima fase da Série D na Vila. Em um jogo muito truncado no Augusto Bauer, o Peixe foi superado pelo Brusque pelo placar de 1 a 0. O gol foi marcado pelo atacante Hélio Paraíba, no início do segundo tempo. Agora a equipe do técnico Waguinho Dias se prepara para o jogo de volta, no próximo domingo. “A Série D é um campeonato de muito equilíbrio. Basta ver os resultados dos primeiros jogos desse mata-mata. Das partidas que terminaram junto com o nosso confronto, somente o Moto Club venceu fora em nove confrontos. O restante empatou ou perdeu. E quem jogou fora de casa tinha campanha melhor. Vamos nos preparar durante a semana e fazer o buscar uma vitória em casa”, disse o treinador.
O primeiro tempo foi equilibrado e as duas equipes tiveram uma boa chance cada. Aos 22 minutos, Zé Mateus aproveitou sobra na área e chutou, para grande defesa do goleiro Belliato. No outro lado, aos 35, Magno Alves recebeu na área, driblou o goleiro e cruzou para Branquinho, que emendou de primeiro, com corte providencial da defesa do Brusque quase em cima da linha.
Na segunda etapa, o time do técnico Pingo saiu na frente aos 18 minutos, com Hélio Paraíba aproveitando cruzamento na pequena área. No final da partida, o Peixe pressionou e criou diversas oportunidades, mas não furou o bloqueio da defesa quadricolor. “A primeira etapa foi de igual para igual. O Brusque cresceu quando marcou seu gol, nós tivemos a bola do empate no final do jogo, com o Magno Alves, mas infelizmente não entrou. Estamos numa situação boa para definir em casa”, declarou o técnico.
O grupo se reapresenta nesta terça-feira, com trabalho em dois períodos. O jogo de volta será no estádio Domingos Silveira Gonzalez, às 16h, no próximo domingo. O Tubarão precisa vencer por dois gols de diferença para avançar à próxima fase. Em caso de vitória por um gol, o classificado será definido nos pênaltis. O Brusque tem a vantagem do empate.
-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.