- PUBLICIDADE -

Tiago Monte

Brusque

- PUBLICIDADE -

Apesar da derrota no estádio Augusto Bauer, o técnico interino Grizzo viu situações positivas no desempenho do Tigre. O poder de reação foi um dos pontos destacados pelo comandante carvoeiro. “O time está muito abatido com a derrota, mas ainda resta uma esperança porque os jogadores mostraram poder de reação. Eu acredito que tivemos dez minutos de insegurança, no início do jogo, pelas circunstâncias do jogo e sofremos o gol em uma falha individual, que é normal em uma equipe em formação e com alguns jogadores sentindo a má fase. O time do Brusque esteve bem o jogo inteiro, não nos deu espaço, mas o time do Criciúma mostrou muita coisa boa. Às vezes uma vitória esconde defeitos e uma derrota mostra qualidades. Precisamos ver o que fizemos de positivo para segurarmos para a sequência porque nós vamos precisar”, explicou.

Grizzo acredita que o Criciúma vai deixar a má fase para trás e reagirá no Campeonato Catarinense em pouco tempo. “Eu tenho certeza que o Criciúma tem qualidade e vai se recuperar no campeonato. Temos que analisar o que fizemos de positivo, somar para enfrentarmos o Avaí e vencermos o clássico para erguer a autoestima desse grupo e recuperar no campeonato. Nós temos que montar uma equipe de qualidade para, seja quem for o comandante, recuperar o Criciúma”, comentou.

O técnico comentou as escolhas que fez para iniciar a partida. “Nós sabíamos que o Maílson tem qualidade e não pode ficar fora do time, mas eu coloquei o Andrew para segurar o lateral e marcar mais. O erro do primeiro gol não poderia ter acontecido. Nós não vamos crucificar ninguém, mas o Criciúma está carente de bons resultados. Eu gostei de uma boa parte do primeiro tempo e de todo o segundo tempo. Alguns jogadores sentiram cansaço e câimbras, então, acredito que fizemos um segundo tempo muito bom e o Dida fez grandes defesas”, finalizou.

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.