- PUBLICIDADE -

Criciúma

O Cesaca Old Scholl (COS) é o campeão da Liga Sul Catarinense de Basketball (LSCB). “Batemos na trave algumas vezes, mas agora levantamos a taça. Temos muito o que comemorar”, destaca o capitão da equipe, Alexsandro Dagostin, o Montanha. No ginásio do Colégio Marista, a equipe derrotou o time do Gorillaz, pelo placar de 85 a 74 e levou o título. “Essa taça é para expressar a amizade que perdura por mais de 20 anos”, reconhece.

- PUBLICIDADE -

O COS também conquistou a taça Antônio Luiz Lalau, que a partir desta temporada levará o nome de todos os próximos campeões. “Quando a gente desenvolve um trabalho, não imagina no que vai dar. E ter o nome eternizado, ainda mais em vida, é uma sensação incrível. Só posso agradecer a liga pela excelente organização e de tudo o que fazem pelo basquete da região”, reconhece o homenageado, que foi o fundador da LSCB.

A equipe do Gorillaz não conseguiu ficar com o troféu, mas merece todo o reconhecimento por fazer uma final forte e de muita qualidade. “Batalhamos e treinamos bastante. É claro que queríamos a conquista, não veio. Mesmo assim, já estamos pensando na próxima temporada, que promete ser ainda mais qualificada”, projeta o jogador Fernando Daniel Gomes.

O presidente da LSCB, Renan Custódio, ficou muito satisfeito com a forma que as equipes se empenharam para a competição deste ano. “Só posso agradecer, porque facilita a organização e valoriza ainda mais o nosso esporte. O público também veio e já abraçou o nosso esporte. Vamos fazer muito mais para 2019”, projeta.

A liga também agradece a parceria do Colégio Marista, por ceder a quadra de basquete, a Fátima Esporte, pela premiação do torneio e da Federação Catarinense de Basketball (FCB), em parceria com a Trimania, para a realização deste grande torneio

-- PUBLICIDADE --
Compartilhar

NOTA: O TN Sul não se responsabiliza por qualquer comentário postado, certo de que o comentário é a expressão final do titular da conta no Facebook e inteiramente responsável por qualquer ato, expressões, ações e palavras demonstrados neste local. Qualquer processo judicial é de inteira responsabilidade do comentador.